Jake Paul contesta ‘fracasso’ em vendas de pay-per-view na revanche contra Tyron Woodley

Youtuber, no entanto, admite que não teve sua 'melhor noite' de negócios; segundo a 'DAZN', o evento teve apenas 65 mil pacotes comprados

J. Paul está invicto em cinco lutas de boxe. Foto: Reprodução/Instagram

Sucesso midiático desde que decidiu por se aventurar no boxe, Jake Paul tem movido grandes quantias em dinheiro por cada luta promovida. Porém, na revanche contra Tyron Woodley, o youtuber não manteve a média e, apesar de ter nocauteado, fez números ‘abaixo da média’.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Segundo a ‘DAZN’, o segundo encontro entre os atletas vendeu apenas 65 mil pacotes de pay-per-view pela ‘Showtime’ e, questionado sobre o assunto, Jake Paul contestou os números divulgados pelo veículo.

“Os rumores de números do PPV (pay-per-view) são uma besteira. Na primeira luta com Woodley, vendemos mais de 500 mil. Os números da revanche ainda estão em aberto, mas parecem positivos. Não foi minha melhor noite de negócios, mas lembre-se: Todos queriam me ver contra (Tommy) Fury”, escreveu Jake em seu ‘Twitter’ oficial.

PUBLICIDADE:

Os números, inclusive, serviram para Jorge Masvidal – que estava presente na arena – ironizar o fato. Em declaração ao ‘MMA Fighting’, o ‘Jesus das Ruas’ afirmou que não quer mais ter seu nome associado à uma possível luta com Jake, depois da venda baixa apresentada nos pacotes para sua última apresentação.

Ainda que Paul tenha admitido que não conseguiu fazer sua ‘melhor noite’ nos negócios, ele obteve um nocaute brutal sobre um ex-campeão do UFC e, agora, pode almejar outras grandes lutas na modalidade. Em sua carreira, o youtuber está invicto com cinco vitórias, incluindo nocautes contra Tyron Woodley e Ben Askren.

PUBLICIDADE:

Podcast #45: Volkanovksi sem desafiante e brasileiros no 1º UFC do ano