Companheiro de American Top Team, Masvidal desabafa sobre saída de Amanda Nunes: ‘Devastador’

Meio-médio lamenta desligamento de ‘Leoa’, que deixa equipe para fundar próprio time

J. Masvidal em coletiva pelo UFC. Foto: Reprodução/YouTube ufc

A saída de Amanda Nunes da consagrada ‘American Top Team‘ pegou muitos de surpresa, inclusive companheiros de equipe. Figura importante da ATT, Jorge Masvidal não escondeu o pesar ao saber do desligamento da ‘Leoa’. Em entrevista ao ‘The MMA Hour’, o ‘Jesus das Ruas’ desabafou sobre a situação.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Ver seu progresso na American Top Team, o mesmo time que o meu, é incrível. Nunca treinei com ela ou algo do tipo, mas ela compartilhou sua jornada comigo. Isso definitivamente machuca por ela não estar lá”, disse Masvidal.

O ex-desafiante ao cinturão dos meio-médios (até 77kg.), no entanto, revelou não ter mágoa da lenda brasileira. Pelo contrário. O norte-americano fez questão de desejar o melhor para a campeã dos penas (até 65,7kg.).

PUBLICIDADE:

Desejo tudo de melhor para ela. Ela vai trabalhar por conta própria. Queria que ela ficasse na American Top Team. Todos nós queríamos. Amamos ela. É um golpe devastador”, encerrou.

A ‘bomba’ sobre a saída de Amanda ganhou forças no início desta semana. A informação foi divulgada cerca de um mês após a derrota da baiana contra Julianna Peña, pelo título dos galos (até 61,2kg.), categoria que liderava desde 2016.

PUBLICIDADE:

Podcast #63: Blachowicz merece enfrentar Glover pelo cinturão do UFC? Lyoto perde no Bellator e se complica