Após ter contrato expirado com UFC, Stephens assina com a PFL e mira trilogia contra Pettis

Veterano celebra acordo com sua ‘nova casa’ e promete duelo agressivo contra Anthony, caso a luta seja marcada

J. Stephens é o novo contratado da PFL. Foto: Reprodução/Instagram

Depois de ter contrato encerrado com o UFC, Jeremy Stephens já acertou sua nova ‘casa’. Em entrevista ao ‘The MMA Hour’, o veterano afirmou que assinou contrato para competir na divisão dos leves (até 70,3kg.) da Professional Fighters League (PFL).

PUBLICIDADE:

Veja Também

“É uma grande organização, com bons lutadores e potencial. Vão me pagar mais do que o UFC e tenho a chance de levar US$ 1 milhão (cerca de R$ 5,2 milhões) e eu realmente amo o fato de lutarem todos os meses. Não estou mais tão jovem e gosto de me manter ativo”, declarou Stephens.

Para o futuro na organização, Jeremy declarou interesse em enfrentar um ‘velho conhecido’. Segundo o norte-americano, ele gostaria de medir forças contra Anthony Pettis para tentar vingar as duas derrotas sofridas no Ultimate.

PUBLICIDADE:

“Ele está sendo bem pago, então adoraria enfrentá-lo. Eu o transformei em lutador e ele só queria lutar comigo. Estávamos em períodos distintos e eu acredito que poderia trazer mais violência para um novo combate. Estarei em uma forma melhor do que aquele garoto”, concluiu o veterano.

Stephens, de 35 anos, competiu durante 15 anos no UFC e deixou a empresa após sequência de seis lutas sem vencer – sendo cinco derrotas e uma luta sem resultado. Profissional desde 2005, o veterano conta com um cartel de 47 lutas nas artes marciais mistas. Atualmente, são 28 vitórias, 19 derrotas e um ‘no contest‘ – luta sem resultado.

PUBLICIDADE:

 

PUBLICIDADE:

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276