Megan Anderson se recusa a cravar retorno ao MMA e revela planos de migrar à indústria do entretenimento

Norte-americana diz que não negocia contrato com qualquer organização; ela revelou presença em um filme nos Estados Unidos

M. Anderson é ex-campeã do Invicta FC. Foto: Reprodução/Instagram

Ex-campeã do Invicta FC e desafiante ao título dos penas (até 65,7kg.) do UFC, Megan Anderson falou, enfim, sobre seu futuro nas artes marciais mistas. Em seu ‘Twitter’ oficial, a norte-americana afirmou que não pensa em assinar com uma nova organização e abriu as portas para experiências na indústria do entretenimento.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Para todos aqueles que estão me perguntando e continuam me perguntando diariamente, não tenho planos de lutar agora. Não estou dizendo que nunca mais vou lutar, mas neste momento da minha vida, estou amando tudo o que estou fazendo. Com jogos e streaming, trabalhando como analista para a ESPN e Invicta FC. Estou filmando meu primeiro grande filme, também. Eu não poderia estar mais feliz e lutar não está em minha mente”, afirmou Megan.

Inclusive, Anderson declarou que não está treinando em alguma academia e tampouco negocia contrato com uma empresa para que volte às competições. Ela terminou com o esclarecimento de seu futuro aos fãs.

PUBLICIDADE:

“Atualmente, não estou afiliada a nenhuma academia, não estou em nenhuma promoção agora e não estou buscando um novo contrato de luta. Agradeço o amor e o interesse de todos que esperam me ver no cage novamente, mas espero que isso responda às suas perguntas por enquanto!”, finalizou.

Profissional do MMA desde 2013, Megan Anderson já conquistou o cinturão do Invicta FC e, em sua última luta, tentou o título do Ultimate. Porém, a australiana foi finalizada ainda no primeiro round por Amanda Nunes. Atualmente, ela conta com um cartel de 11 resultados positivos e cinco negativos na carreira.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276