AO VIVO

Acompanhe a PFL 5 2022, com esquadrão brasileiro em ação

Israel Adesanya brinca com caso de violência doméstica e provoca Jon Jones no Dia dos Namorados

Em provocação pesada nas redes sociais, o nigeriano relembrou o caso que resultou na prisão de Jones em setembro de 2021

I. Adesanya provocou J. Jones. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Menos de dois dias após defender com sucesso o cinturão dos médios em revanche contra Robert Whittaker, na luta principal do UFC 271, Israel Adesanya arrumou um tempo para provocar outro rival: Jon Jones. Na noite do último domingo (13), o nigeriano desejou um feliz Dia dos Namorados, data comemorada nesta segunda-feira (14), nos Estados Unidos, ao ex-campeão dos meio-pesados, fazendo menção à acusação de violência doméstica pela qual Jones chegou a ser preso em 2021.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Feliz Dia dos Namorados. O que vale é a intenção”, escreveu Adesanya junto com um “meme” que mostra um lutador colocando bandagens nas mãos acompanhado do seguinte texto: “Jon Jones embrulhando um presente de Dia dos Namorados para sua noiva”.

I. Adesanya provocou J. Jones nas redes sociais (Foto: Reprodução)

PUBLICIDADE:

Jon Jones foi preso em setembro de 2021 acusado de violência doméstica contra sua noiva. Em dezembro, o ex-campeão do UFC escapou da prisão ao aceitar um acordo, tendo apenas que indenizar a vítima, procurar uma terapia de controle de raiva e não cometer outro crime.

Israel Adesanya e Jon Jones se provocam desde antes de o nigeriano se tornar campeão dos médios. Hoje, no entanto, a ideia de um confronto entre os dois se torna cada vez mais distante. Enquanto “Izzy” se consolidou como detentor do cinturão até 84kg, com quatro defesas, “Bones” abdicou do título dos meio-pesados (até 93 kg) para se aventurar na divisão dos pesados (até 120,2 kg), mas ainda não estreou na nova categoria.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano