AO VIVO

Acompanhe o UFC 276, com disputas de cinturão e Alex Poatan

Derrotado no UFC 272, Masvidal mira recuperação na carreira para tentar revanche com Covington

Estrela no fim de semana, 'Jesus das Ruas'garante que rivalidade não chegou ao fim após tropeço; atleta entende que precisa se redimir no evento

J. Masvidal (esq.) foi superado por C. Covington (dir.) no UFC 272. Foto: Reprodução/Instagram

Superado no confronto entre antigos melhores amigos no UFC 272, Jorge Masvidal entende que a rivalidade com Colby Covington não chegou ao fim. Anulado pelo ex-campeão interino dos meio-médios (até 77kg.) no último sábado (5), ‘Jesus das Ruas’ garantiu que buscará a recuperação na carreira para que conquiste a chance de uma revanche contra o rival. Em coletiva após o show, o atleta falou sobre o assunto.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Se eu me colocar em uma sequência de vitórias e me provar novamente, seria uma luta que eu adoraria fazer. Sinto que se seguir trabalhando nas posições que eu falhei nesta noite, eu posso acertar alguns golpes na cara dele e nocautear”, garantiu.

No UFC 272, Masvidal passou por um dos maiores desafios dentro de sua trajetória no Ultimate. Diante do antigo amigo e companheiro de treinos nos tempos de American Top Team, o atleta não foi capaz de anular a estratégia e técnica do rival e acabou superado na maior parte dos cinco rounds.

PUBLICIDADE:

Ao fim de 25 minutos, Jorge acabou batido na decisão unânime dos juízes. Com o tropeço, o atleta chegou ao terceiro revés consecutivo dentro dos meio-médios (até 77kg.).

Vitorioso no show, Covington conseguiu se recuperar da derrota sofrida diante de Kamaru Usman, no fim da temporada 2021, em luta válida pelo cinturão.

PUBLICIDADE:

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276