AO VIVO

Poatan massacra no UFC 276 e chega em Adesanya. SUPER LUTAS debate

Após prisão de Cain Velasquez, Joe Rogan sai em defesa do ex-campeão dos pesados

Em declaração dada em seu podcast, o comentarista oficial da organização revelou que torceu para que o ex-lutador tivesse pego o suposto criminoso

J. Rogan (dir) defendeu a atitude de C. Velasquez (esq) Foto: Divulgação/UFC

Após a surpreendente prisão de Cain Velasquez por atacar um homem que, supostamente, teria molestado uma integrante menor de idade da sua família, Joe Rogan saiu em defesa do ex-lutador do Ultimate. Em seu podcast, o atual comentarista da organização disse, de forma polêmica, que entende a atitude do ex-campeão dos pesados (até 120,2kg) e revelou que gostaria que ele tivesse pego o suposto criminoso.

PUBLICIDADE:

LEIA MAIS: Cain Velasquez tem fiança negada e vai continuar preso sob acusação de tentativa de homicídio

Veja Também

“Imagina o ódio que passou na cabeça dele? Meu único desejo é que ele tivesse feito (justiça) com as próprias mãos, que ele tivesse parado o cara na rua e batido nele até a morte. F**se“, disse Rogan, de forma polêmica.

PUBLICIDADE:

Duas vezes campeão dos pesados, Velasquez se aposentou em outubro de 2019, após 13 anos de uma carreira vitoriosa. Sua última luta como atleta profissional, foi em fevereiro de 2019, quando foi nocauteado por Francis Ngannou aos 26 segundos do primeiro round. O norte-americano pendurou as luvas com um cartel de 14 triunfos e três reveses.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276