AO VIVO

Acompanhe a PFL 5 2022, com esquadrão brasileiro em ação

Após pôlemica com Dos Anjos, Moicano agradece árbitro por não ter parado luta no UFC 272

O lutador de Brasília disse que não gostaria de ver o combate sendo interrompido e afirmou que faria tudo de novo, se fosse possível.

R. dos Anjos (esq.) bateu R. Moicano em duelo brasileiro no UFC 272. Foto: Reprodução/Instagram @ufc_brasil

Após Rafael Dos Anjos criticar os treinadores de Renato Moicano por não interromperem o combate, o ex-peso pena (até 65,7kg) não concordou com as reclamações do ex-campeão dos leves. Em entrevista ao ‘TMZ Sports’, o lutador de brasília disse que não iria gostar da interrupção do combate e agradeceu ao árbitro Marc Goddard por deixar o confronto seguir até o fim.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Estou muito grato pelo árbitro não ter parado a luta porque, caso contrário, eu não saberia do que sou feito. Eu sempre tento seguir em frente, eu sempre tento revidar, e para mim, o árbitro fez o seu trabalho, foi um ótimo trabalho”, disse Moicano.

Substituto de última hora de Rafael Fiziev, Moicano agradeceu pela oportunidade e afirmou que faria tudo novamente, se fosse possível.

PUBLICIDADE:

“Sim, claro, eu não me arrependo. Eu sabia que não estava 100% para a luta porque eu estava vindo de um bom camp de treinamento contra (Alexander) Hernandez, mas foi por três rounds e eu finalizei o cara. Voei direto para o Brasil e estava curtindo minhas férias. Você sabe, beber algumas cervejas, comer alguns bifes. Mas, a oportunidade aparece, e quando uma oportunidade como essa aparece você tem que tentar, e eu estava pronto para vencê-lo. O plano dele era melhor que o meu”, finalizou o lutador de brasília.

Desde março de 2020 na divisão dos leves, Moicano já disputou cinco combates na nova faixa de peso. Ex-integrante dos penas, o atleta tupiniquim venceu três duelos e foi derrotado em três oportunidades na categoria liderada pelo seu compatriota Charles Do Bronx. O lutador brasileiro possui um cartel de 16 resultados positivos, cinco negativos e um empate no MMA profissional.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano