Após derrota para Deiveson, Moreno muda de academia e recebe elogio de Cejudo

'Triplo C' enaltece iniciativa de mexicano para evolução de seu jogo no Ultimate; os dois são ex-amigos e tiveram 'rixa' no passado

H. Cejudo (esq.) e B. Moreno (dir.) são ex-amigos. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Ex-campeão dos moscas (até 56,7kg.), Brandon Moreno optou por não seguir na mesma academia após derrota para Deiveson Figueiredo em trilogia no UFC 270. E, em entrevista ao ‘MMA Junkie’, Henry Cejudo tratou de elogiar a escolha do mexicano por saída da ‘Entram Gym’ em seu país para a ‘Glory MMA & Fitness’, nos Estados Unidos.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Ele precisa fazer o que é melhor para ele. Você precisa ser leal aos seus sonhos, isso é ser real. É por isso que tive muito sucesso, e é por isso que Brandon está deixando sua academia no México. Ser leal e ser um verdadeiro mexicano é ter coragem, não importa onde você esteja. Parabéns ao Brandon. Estou feliz que ele foi embora. Eu não tenho má vontade em relação a ele ou qualquer coisa assim. Nós éramos amigos, e ele foi treinar com outra pessoa porque eu não o escolhi no ‘The Ultimate Fighter’ e, a partir daí, a amizade acabou”, disse Henry.

Aposentado do MMA desde maio de 2020, o ‘Triplo C’ tem concentrado suas energias como treinador na ‘Fight Ready’ e auxiliou Deiveson justamente para luta contra Moreno. Em duelo de cinco rounds, o brasileiro conseguiu sair com a vitória na decisão unânime e recuperou seu cinturão.

PUBLICIDADE:

Na preparação para o duelo, Figueiredo chegou a chamar Brandon de ‘traidor’ por romper laços com Cejudo no passado e, por isso, houve certa tensão durante as divulgações para a luta de ambos os lados. Agora, no entanto, a rivalidade parece ter sido superada.

Podcast #69: Alex Poatan brilha e Adesanya sai vaiado no UFC 276