Daniel Cormier relembra luta, sugere ‘covardia’ e lamenta ataque de Jorge Masvidal a Colby Covington

Atual comentarista do UFC, DC afirma que discorda de ‘acerto de contas’ entre os atletas fora do octógono

D. Cormier durante programa do ‘DC & RC’. Foto: Reprodução/YouTube

Ex-campeão e atual comentarista do Ultimate, Daniel Cormier analisou os fatos da briga entre Jorge Masvidal e Colby Covington em restaurante na Flórida (EUA). Em seu canal oficial no ‘YouTube’, DC afirmou que o ‘Jesus das Ruas’ teve a chance de acabar com seu algoz em luta no UFC 272 e não concorda com ‘acerto de contas’ fora do octógono.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Muitas dessas brigas acontecem antes das lutas acontecerem. Mas (no octógono) é o único lugar em que vou julgar Jorge Masvidal. Você tinha 25 minutos a menos de duas semanas para fazer tudo o que queria. Não parece que isso foi uma briga justa. Isso parece um pouco diferente”, disse DC.

A polêmica aconteceu na noite de segunda-feira (21), enquanto Covington jantava com amigos no restaurante ‘Papi Steak’. Ao saber que seu ex-amigo estava no local, Masvidal teria aparecido e, na saída, atingiu Colby, que acabou com um dente quebrado, lesão no braço e costela fraturada.

PUBLICIDADE:

Em relatório feito pela polícia, Colby teria dito que Jorge apareceu no local com um capuz, cercado por outros três ou quatro homens. Masvidal, por sua vez, sugeriu que o ataque aconteceu por falas de Covington relacionadas a sua filha, durante luta entre eles. Ainda não houve qualquer acusação oficial e a polícia avalia o caso.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276