AO VIVO

Acompanhe a PFL 5 2022, com esquadrão brasileiro em ação

Dustin Poirier indica aposentadoria de Nate Diaz e possível luta no UFC fica ameaçada; entenda

Norte-americano diz que 'bad boy' quer deixar o esporte e fala em Justin Gaethje como uma de suas opções para o futuro

D. Poirier (esq.) e N. Diaz (dir.) flertam com um confronto há alguns meses. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Depois de ser derrotado pelo título em disputa contra Charles do Bronx, Dustin Poirier considera que Nate Diaz seja o nome ideal por seu retorno ao Ultimate. Porém, em seu ‘Twitter’ oficial, o lutador indicou que o ‘bay boy’ está se encaminhando por uma aposentadoria e, portanto, a negociação de uma possível luta está ameaçada.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Não tenho certeza (de que a luta vai acontecer). Eu queria lutar com Nate no primeiro semestre, mas acabei de descobrir que ele vai pendurar as luvas. Veremos o que será emocionante para o futuro”, escreveu Poirier.

Avaliando suas possibilidades para o futuro, Poirier ‘aceitou’ sugestão de um seguidor e citou Justin Gaethje como um possível oponente por sua sequência na organização. Vale lembrar, no entanto, que o atleta já tem luta marcada contra Do Bronx para 7 de maio.

PUBLICIDADE:

“Talvez, esse seja o movimento”, respondeu Dustin após sugestão de fã por luta contra Gaethje.

Aos 32 anos, Poirier ‘bateu na trave’ duas vezes pelo título linear e, agora, busca reconstruir seu caminho na organização. No UFC desde 2011, o norte-americano conta com um cartel de 28 triunfos e sete reveses, além de uma luta ‘sem resultado’.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano