Após passar por exame cerebral, Rodolfo Vieira é liberado para continuar carreira no MMA

Angiografia cerebral revelou apenas uma pequena obstrução que não compromete o futuro do lutador no esporte

R. Vieira está liberado para continuar lutando MMA Foto: Reprodução/Instagram

Após passar por uma uma angiografia cerebral na última terça-feira (6) e ter o futuro no MMA em xeque, Rodolfo Vieira foi liberado para continuar treinando e competindo. Pentacampeão mundial de jiu-jitsu, o peso médio (até 83,9 kg) brasileiro revelou, através de vídeos nas redes sociais, que o exame constatou apenas uma pequena obstrução que não compromete o seu futuro no esporte.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Aliviado, o “Caçador de Faixas Pretas”, como é conhecido, disse que foi informado pelo médico de que sua condição não era grave e revelou o alívio de poder continuar lutando.

“O médico deu a notícia que não era nada grave, que eu poderia continuar lutando, e isso me deu um alívio. Tirou um carro SUV das minhas costas, que eu estava carregando desde a luta. Fiquei muito feliz, eu e a Ju (esposa) tiramos todas as dúvidas. Ele disse que não tem problema nenhum, que era uma obstrução muito pequena e que não vai comprometer em nada. Pediu uma tomografia computadorizada para daqui a seis meses, mas falou que posso continuar treinando normalmente e manter minha carreira da maneira que estava”, disse o lutador.

PUBLICIDADE:

Rodolfo Vieira realizou a angiografia cerebral após ser vetado de participar do UFC 270, em janeiro, quando enfrentaria Wellington Turman. Segundo o lutador, os exames de ressonância magnética realizados na época levantaram uma suspeita de má formação congênita no cérebro.

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano