Tibau sofre, mas bate Jamie Varner no UFC 164

Brasileiro travou um duelo equilibrado diante do norte-americano e deixou o octógono com o triunfo na decisão dividida dos juízes

Gleison Tibau é o primeiro brasileiro oficializado no UFC 164Foi suado, mas o brasileiro Gleison Tibau conquistou sua 28ª vitória no MMA. O único representante tupiniquim no UFC 164, evento que acontece neste sábado (31), em Milwaukee, travou uma dura batalha contra Jamie Varner e deixou o octógono com o triunfo na decisão dividida dos juízes. O duelo fechou o card preliminar do show, que terá como atração a disputa do cinturão dos leves entre Ben Henderson e Anthony Pettis.

A luta

Diante de um adversário especialista na luta em pé, Tibau tinha o jogo de quedas como principal arma para vitória. Porém, o norte-americano começou a luta com muita movimentação dificultando as entradas do brasileiro. Depois de sofrer golpes mais duros na trocação, o Gleison conseguiu derrubar o rival no minuto final e terminou o round por cima.

Na segunda parcial, o brasileiro sobrou. Depois de conseguir uma queda logo nos primeiros movimentos, ele passou a guarda, chegou a montada, trabalhou com vários socos e esteve perto de encaixar um estrangulamento pelas costas de Varner.

Já no terceiro assalto a luta virou. Quando tudo se encaminhava para uma vitória tranquila do atleta potiguar, o norte-americano mudou sua tática e surpreendeu. Melhor na trocação, desta vez foi o norte-americano quem derrubou Tibau. Por baixo, o brasileiro sofreu com alguns socos até o final do embate.

Na leitura das papeletas dos juízes, melhor para Tibau, que levou a fatura na decisão dividida dos juízes (29×28, 27×29, 29×28).

Confira abaixo os resultados do card preliminar do UFC 164:

Card preliminar

Gleison Tibau derrotou Jamie Varner na decisão dividida dos juízes;

Tim Elliot derrotou Louis Gadinot por decisão unânime dos juízes;

Huyn Gyu Lim derrotou Pascal Krauss por nocaute técnico no R1;

Chico Camus derrotou Kyun Ho Kang por decisão unânime dos juízes;

Soa Palelei derrotou Nikita Krylov por nocaute técnico no R3;

Al Iaquinta derrotou Ryan Couture por decisão unânime dos juízes;

Magnus Cedenbland finalizou Jared Hamman com uma guilhotina no R1;

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments