AO VIVO

Acompanhe o UFC 276, com disputas de cinturão e Alex Poatan

Aos 44 anos, Fabrício Werdum muda de ideia sobre aposentadoria e quer luta na PFL em junho

Há algumas semanas, o ex-campeão do UFC chegou a afirmar que seria necessária uma proposta 'de outro mundo' para voltar a lutar MMA

F. Werdum quer retornar ao decágono da PFL. Foto: Reprodução/Instagram

O flerte de Fabrício Werdum com a aposentadoria do MMA durou pouco. Semanas após declarar que seria necessária uma proposta de “outro mundo” para voltar a lutar, o ex-campeão dos pesados (até 120,2 kg) do UFC planeja retornar ao decágono da PFL no meio do ano.

PUBLICIDADE:

Veja Também

A informação foi divulgada inicialmente pelo site norte-americano “Sherdog” e confirmada pelo jornalista Brett Okamoto, da ESPN norte-americana, junto ao empresário de Fabrício Werdum, Ali Abdelaziz. O peso pesado brasileiro teria pedido para lutar em evento planejado para o dia 24 de junho.

“Após considerar a aposentadoria do MMA no início do ano, Fabrício Werdum decidiu que ainda quer competir pela PFL em 2022. Ele pediu por uma luta no dia 24 de junho. Reportado inicialmente pelo Sherdog e confirmado por seu empresário Ali Abdelaziz”, escreveu Okamoto.

PUBLICIDADE:

Aos 44 anos de idade, Fabrício Werdum não entra em ação desde o polêmico duelo contra Renan Problema, em sua estreia na PFL, em maio de 2021. Na ocasião, o “Vai Cavalo” foi nocauteado após o compatriota ter dado os “três tapinhas” em uma tentativa de finalização do gaúcho e o árbitro ter deixado a luta seguir. Posteriormente, o resultado da luta foi alterado para “No Contest”. Werdum afirmou, inclusive, que a polêmica foi um dos motivos para cogitar a aposentadoria.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276