Derrotado por Jones e Miocic, Cormier avalia possível confronto entre lendas do UFC nos pesados

Comentarista aponta favorito para eventual luta e acredita que compromisso precisa ser confirmado pelo Ultimate

S. Miocic (esq.) e J. Jones (dir.) ostentaram cinturões do UFC no passado. Foto: Montagem: SUPER LUTAS

Ex-duplo campeão do UFC, Daniel Cormier pode falar com propriedade sobre a eventual luta entre Jon Jones e Stipe Miocic na organização. Hoje, atuando como comentarista, DC analisou o confronto que pode acontecer na temporada 2022. O veterano destacou a importância da confirmação do confronto pelo Ultimate.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Acredito que é uma luta equilibrada, porque eu dividi o octógono com ambos. Jones possui mais recursos do que Miocic, mas Miocic possui suas ‘armas malucas’ por si só. Para um grandalhão, ele é muito versátil e o que faz disso mais interessante é que Jones será um meio-pesado subindo de divisão”, disse Cormier, em seu programa na ‘ESPN’.

De olho na nova fase de Jones no MMA, Cormier se mostra curioso sobre como seu maior rival na carreira irá se sair na perigosa categoria liderada por Francis Ngannou. O atleta, então, avaliou o físico dos potenciais adversários.

PUBLICIDADE:

“Stipe é um peso pesado legítimo. Jones está maior, porque, se você o observar agora, está imenso. Miocic está magro há um tempo. Há muitas diferenças. Stipe ficou maior? Vai seguir mais leve? Jon Jones perderá peso quando chegar o momento da luta?”, questionou DC.

Por fim, Cormier avaliou o cenário da divisão até 120,2kg. para Jon. O ex-lutador entende que, caso a luta seja confirmada, Miocic será o ‘melhor adversário’ possível para ‘Bones’.

PUBLICIDADE:

“É muito arriscado deixar Jon Jones enfrentar qualquer outro nos pesados. E se ele perde? É uma possibilidade muito alta”, encerrou.

PUBLICIDADE:

Considerado por muitos como o melhor lutador de todos os tempos, Jones não se apresenta desde a vitória contra Dominick Reyes, em fevereiro de 2020. Após sua última defesa de cinturão dos meio-pesados (até 93kg.), o atleta abdicou de seu cinturão e deu início ao processo ganho de massa muscular para a estreia na categoria até 120,2kg.

Lenda dos pesados, Stipe Miocic não sobe no octógono há pouco mais de um ano. Em seu último embate, o veterano acabou brutalmente nocauteado por Francis Ngannou e perdeu o título da divisão.

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano