UFC Fight Night 28: Sapo salva início ruim do Brasil no card principal

Lutador mineiro foi o único brasileiro a vencer nas quatro primeiras lutas do card principal

Rafael-Sapo-vence

Sapo (foto) venceu e levantou a torcida no Mineirinho. Foto: Josh Hedges/UFC

Acostumada em vibrar ao final de todas as lutas em casa, a torcida brasileira no ficou tensa no início do card principal do UFC Fight Night 28, evento realizado nesta quarta-feira (03), em Belo Horizonte. Das  quatro primeiras lutas do programa mais importante, o país teve apenas uma vitória. O mineiro Rafael Sapo foi o responsável por salvar a noite do público.

Sapo vence e levanta torcida mineira

O faixa-preta Rafael Sapo não decepcionou sua torcida no Mineirinho. O lutador de Belo Horizonte colocou o jiu-jitsu em ação para controlar o embate no solo do primeiro round diante de Tor Troeng. Já na segunda parcial, veio o grande momento do brasileiro. Ele surpreendeu o sueco com com um direto e levou o rival a knockdown. No chão, ele puniu Troeng com mais socos, mas de forma surpreendente, o lutador europeu se manteve na luta.

Em vantagem nas duas primeiras parciais, Sapo administrou a vantagme no terceiro assalto para deixar o octógono com a vitória na decisão unânime dos juízes (30×27, 29×28, 30×27).

Benavidez bate Formiga e fica perto de nova chance pelo cinturão

O brasileiro Jussier Formiga esteve próximo de disputar o cinturão dos pesos moscas, porém, o norte-americano Joseph Benavidez acabou com a chance do potiguar.

Com muita velocidade na luta em pé, o norte-americano encaixou uma joelhada em Jussier  logo no primeiro round e levou o brasileiro ao solo. No chão, ele ainda acertou vários socos até o árbitro encerrar a disputa.

Massaranduba começa bem, mas é finalizado

Um dos personagens marcantes da primeira edição do TUF Brasil, Francisco Massaranduba não conseguiu emplacar sua terceira vitórias consecutiva no Ultimate. Diante de Piotr Hallmann, o brasileiro até começou bem no primeiro round, quando acertou vários chutes na costela do polonês. Apesar de Hallmann sentir os golpes, ele conseguiu superar e encerrar a disputa no segundo round.

Depois de levar a luta para o solo, ele prendeu Massaranduba contra as grandes e encaixou uma justa Kimura para encerrar a peleja.

Vina perde e se complica

Na primeira luta do card principal, Marcos Vina bem que tentou, mas não conseguiu superar Ali Bagautinov. Logo no primeiro round, o atleta russo esteve perto de nocautear o brasileiro com uma sequência de socos no solo. Depois ele ainda tentou terminar a disputa com uma guilhotina, mas o Vina conseguiu sobreviver em na peleja.

Apesar do atleta tupiniquim ainda tentar a reação no segundo assalto, o castigo veio no terceiro round. Com um potente direto de direita, o brasileiro foi ao solo e acabou nocauteado com uma sequência de golpes no chão.

O revés de Marcos Vina foi o segundo consecutivo dele em três lutas no Ultimate. Com isso, o brasileiro fica em risco de demissão dentro do evento.

Confira abaixo os resultados completos do UFC Fight Night 28:

Ryan Bader vs. Glover Teixeira

Yushin Okami vs. Ronaldo Jacaré;

Joseph Benavidez derrotou. Jussier Formiga por nocaute técnico no R1;

Piotr Hallmann finalizou Francisco Massaranduba com uma Kimura no R1;

Rafael Sapo derrotou Tor Troeng na decisão unânime dos juízes;

Ali Bagautinov derrotou Marcos Vina por nocaute técnico no R3;

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments