UFC Fight Night 28 marca fim da hegemonia brasileira em eventos no país

Lutadores brasileiros tem 'vitória' apertada de 5x4 em duelos contra estrangeiros em Belo Horizonte

Yuri perdeA segunda visita do Ultimate a Belo Horizonte quebrou uma escrita que já havia se estabelecido ao longo dos demais eventos já realizados no Brasil: a ampla vantagem dos atletas brasileiros sobre seus oponentes estrangeiros. Embora o país ainda tenha ficado em vantagem no saldo final dos combates, não se viu a supremacia de outras oportunidades. No total, foram cinco vitórias de atletas da casa e quatro dos visitantes.

A noite de lutas começou complicada para os atletas brasileiros, com a derrota de Yuri Villefort para o norte-americano Sean Spencer. Depois, com os triunfos de Ivan Batman e Lucas Mineiro, o card preliminar se encerrou com o placar de 2×1 para o Brasil. Já no card principal, um empate em 3×3 fez com que o evento, que contou com outras duas lutas entre brasileiros, terminasse com um apertado 5×4 para os lutadores da casa.

Porém, nos combates mais importantes da noite, o Brasil se deu melhor. Tanto na luta principal quanto no evento co-principal da noite, os atletas do país saíram vencedores. Glover Teixeira e Ronaldo Jacaré bateram Ryan Bader e Yushin Okami, respectivamente. Ambas as vitórias foram conquistadas no primeiro assalto e por nocaute técnico.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments