Luke Rockhold acusa Khamzat Chimaev de ter recusado luta e provoca: ‘Foi inteligente da parte dele’

Com luta encaminhada contra Paulo Borrachinha no UFC 277, ex-campeão alfineta pupilo da organização

L. Rockhold não luta desde 2019, quando foi batido por J. Blachowicz. Foto: Reprodução/Instagram

Com luta encaminhada contra Paulo Borrachinha para o UFC 277, que acontece em 30 de julho, Luke Rockhold decidiu provocar outro atleta do elenco da companhia. Sem lutar há quase três anos, o ex-campeão dos médios (até 83,9kg.) decidiu provocar Khamzat Chimaev, a quem acusa de ter recusado um confronto.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Khamzat não aceitou a luta, a propósito, nós estávamos prontos para lutar. Ele preferiu ficar nos meio-médios (até 77kg.). Acho que foi uma decisão inteligente da parte dele, neste momento”, afirmou Luke, em entrevista à ‘ESPN’.

Campeão dos médios do UFC entre 2015 e 2016, Rockhold retomará a carreira após quase dois anos de inatividade. Em seu último compromisso, o norte-americano foi duramente nocauteado por Jan Blachowicz, em teste frustrado nos meio-pesados (até 93kg.).

PUBLICIDADE:

Para sua luta de retorno, Luke enfrentará Paulo Borrachinha. Destaque da divisão até 83,9kg., o brasileiro acumula dois tropeços consecutivos, e busca retomar o caminho das vitórias.

Caso supere o brasileiro, Rockhold poderá reassumir um lugar de destaque da divisão liderada por Israel Adesanya. Hoje, o atleta não está inserido no top 15 da categoria.

PUBLICIDADE:

Podcast #63: Blachowicz merece enfrentar Glover pelo cinturão do UFC? Lyoto perde no Bellator e se complica