Emocionada, Vivi Araújo dedica vitória no UFC Vegas 54 ao irmão, em reabilitação contra o vício das drogas

Após triunfo sobre Andrea Lee no último sábado, a brasileira homenageou o irmão Thiago, que vive momento delicado na vida pessoal

V. Araújo em vitória no UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Mesmo com toda a polêmica envolvendo o treinador da sua adversária, a brasileira Viviane Araújo era só felicidade após o triunfo sobre Andrea Lee. A lutadora da divisão das moscas (até 56,7kg) dedicou a vitória do último sábado (14), diante da norte-americana, ao seu irmão Thiago, que passa por um tratamento para se recuperar do vício nas drogas. A declaração foi dada em entrevista ao ‘Combate’.

PUBLICIDADE:

LEIA MAIS: Xenofobia e racismo: conheça Andrea Lee, a atleta com maior ‘dedo podre’ do MMA mundial

Veja Também

“Essa vitória eu dedico a ele, sei que ele passou por momentos muito difíceis, está passando ainda, porque está no meio do processo. É para que ele enxergue que estou do lado dele, que a família toda está do lado dele. Essa vitória é para ele. Ele teve a saída terapêutica, conversei com a minha mãe, não falei com ele ainda. Eles assistiram juntos lá na casa da minha irmã. Todo mundo junto e ele gostou muito da luta. Ele é um grande fã meu. Fica bastante ansioso quando vou lutar e torce bastante. Minha mãe falou que ele ficou muito feliz, que valeu a pena ter saído neste sábado para ver a luta e me mandar energia positiva”, disse Vivi.

PUBLICIDADE:

Número oito do ranking das moscas, Vivi vem em boa fase na carreira com três vitórias em suas últimas quatro lutas. Contratada pelo Ultimate em 2019,  atleta tupiniquim possui um cartel de 11 triunfos e três reveses como profissional.

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano