Holly Holm planeja retorno rápido ao UFC e está focada em revanche contra Amanda Nunes, diz treinador

Mike Winkeljohn confirma que norte-americana se mostra 'faminta' por volta por cima e quer novo encontro com brasileira no UFC

H. Holm em preparação para luta no UFC Vegas 55. Foto: Reprodução/Instagram @ufc_brasil

Após ser derrotada em luta apertada contra Ketlen Vieira no UFC Las Vegas 55 do último sábado (21), Holly Holm sabe que precisa reconstruir sua trajetória para voltar a vestir o cinturão da categoria novamente. Porém, segundo seu treinador Mike Winkeljohn, a norte-americana planeja retorno rápido e ainda vislumbra revanche contra Amanda Nunes.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Tivemos algumas lesões nos treinamentos dos últimos dois anos. Holly (Holm) vai lutar nas galos ou penas. Ela só quer lutar. Sempre que o UFC marcar uma luta, estará pronta. Espero que até no meio do ano volte a atuar. Sei que quer muito o título do UFC e enfrentar (Amanda) Nunes. Ela quer que Amanda vença (a revanche contra Julianna Peña) para que elas possam se enfrentar novamente, pois sabe que cometeu um erro naquela luta e quer subir essa ‘escada’ novamente”, disse Winkeljohn.

Holly Holm e Amanda Nunes se enfrentaram no UFC 239, que aconteceu em julho de 2020. O duelo, inclusive, foi válido pelo cinturão das galos (até 61,2kg.) e foi vencido pela brasileira com um nocaute via chute alto ainda no primeiro round da luta.

PUBLICIDADE:

Ex-campeã das galos (até 61,2kg.), a norte-americana sentiu o ‘sabor amargo’ de sua quinta derrota na carreira, enquanto também tem outras 14 vitórias, incluindo diante de nomes como Ronda Rousey, Megan Anderson e Bethe Correia. Por outro lado, a ‘Leoa’ tenta recuperar o título no segundo encontro diante de Julianna Peña, no UFC 277 do dia 30 de julho.

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano