Julianna Penã rebate Amanda Nunes sobre sua postura no TUF e menospreza cinturão das penas da ‘Leoa’

Com um discurso pesado, a campeã dos galos voltou a atacar a lutadora brasileira e minimizou o título das penas da atleta tupiniquim

J. Peña e A. Nunes nas gravações do TUF 30 (Foto: Divulgação/UFC)

A ‘guerra verbal’ entre Julianna Peña e Amanda Nunes não para. Após a ‘Leoa’ ter afirmado que se surpreendeu com a postura da ‘Megera Venezuelana’ nos bastidores do TUF 30, a campeã das galos (até 61,2kg) rebateu a brasileira afirmando que apenas falou ‘a verdade’ e minimizou o cinturão das penas (até 65,7kg), ainda em posse da atleta tupiniquim. A declaração foi dada em entrevista ao ‘MMA Fighting’.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Amanda disse que eu estava falando online, que eu estava falando besteira antes da luta e que estava esperando que eu falasse mais, mas, se você voltar, tudo o que eu falei era verdade. Tudo o que eu disse antes da luta foi exatamente o que fiz. Eu disse o que ia fazer e realmente fiz. Para mim, isso não é falar besteira, é falar de fatos. Essa é a verdade. Isso realmente aconteceu. Se eu disser que ela fica sem fôlego quando sobe um lance de escadas, isso é um fato, não sou eu falando besteira. Ela fica sem fôlego. Você vê isso em suas lutas”, disse Peña.

As provocações de Julianna seguiram e a campeã dos galos menosprezou o cinturão das penas, categoria que a brasileira ainda é ‘rainha’.

PUBLICIDADE:

“Outra verdade que mencionei foi que ela foi campeã em uma divisão de ‘quem’? Cite duas lutadoras, além de Amanda. Você não pode. Holly (Holm) e Germaine (de Randamie) disseram que são pesos galos. Megan (Anderson) se aposentou, (Cris) Cyborg não luta no UFC. Ela é campeã em uma divisão que sequer tem uma classificação. Ela concordou comigo e disse que não há nenhum investimento na divisão dos penas, que o UFC precisa intensificar e fazer isso. Estou falando besteira ou estou falando a verdade? Porque você está concordando com o que estou dizendo”, finalizou Peña.

Enquanto as provocações não cessam, Amanda e Peña seguem se preparando para a aguardada revanche. As duas lutadoras se enfrentam no UFC 277, programado para o dia 30 de julho, em duelo válido pelo cinturão das galos. O espetáculo será realizado na American Airlines Arena, em Dallas, Texas (EUA).

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano