Joanna Jedrzejczyk celebra ‘furada de fila’ pelo cinturão em caso de vitória sobre Weili Zhang no UFC 275

Ex-campeã das palhas, polonesa diz que não ficou surpresa com a decisão do Ultimate e entra motivada para revanche no próximo sábado (11)

J. Jedrzejczyk espera voltar ao caminho das vitórias no UFC 275. Foto: Reprodução/Facebook @ufc_brasil

Joanna Jedrzejczyk está animada com a possibilidade de disputar o cinturão em caso de vitória sobre Weili Zhang no UFC 275, evento que acontece no próximo sábado (11). A ex-campeã das palhas (até 52,1kg.), que está na reta final da preparação, revelou que a garantia de Dana White por luta contra Carla Esparza para a vencedora do combate serviu como um incentivo a mais na revanche contra a chinesa.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Não estou surpresa. Eu sabia disso. Eu não assinaria um acordo para essa luta se não soubesse que seria a próxima (pelo cinturão) caso vencesse. Então, sim, eu sabia disso. Eu não estou surpresa. É bom. Eu sinto que nós duas merecemos. Ela (Weili Zhang) provou que é uma das melhores, uma das mais duras da categoria”, disse Joanna em entrevista no ‘media day’.

Sem atuar desde março de 2020, Jedrzejczyk considera que seja justa uma oportunidade pelo título. Ela ainda diz que quer sempre estar envolvida em grandes lutas, sobretudo por tudo que construiu no esporte.

PUBLICIDADE:

“Eu sei que há muita conversa sobre outras garotas que deveriam lutar pelo título, mas nós aparecemos. Eu, Weili, Rose (Namajunas), sempre brigamos muito, sabe? E é disso que se trata este negócio. Não se trata de lutas chatas, não se trata apenas de lutas, trata-se de ser o melhor a cada vez que você entra lá”, concluiu.

Caso consiga passar por Zhang, Joanna Jedrzejczyk teria outra revanche na carreira. Em março de 2015, a polonesa superou a atual campeã Carla Esparza com um nocaute no segundo round para conquistar o cinturão das palhas do UFC. Ela, no entanto, vem em fase de oscilação, com apenas duas vitórias nas últimas cinco lutas.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano