Glover Teixeira minimiza longa sequência de vitórias de Jiri Prochazka: ‘Não conquistou no UFC’

Campeão dos meio-pesados afirma que grande fase do seu desafiante não deve ser contabilizada dentro do Ultimate

G. Teixeira (esq.) defende o cinturão dos meio-pesados contra J. Prochazka (dir.) no UFC 275. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Campeão dos meio-pesados (até 93kg.) do Ultimate, Glover Teixeira minimizou a sequência de 12 vitórias consecutivas do seu desafiante no UFC 275. Em conversa com a imprensa no ‘media day’, o mineiro sugeriu que os triunfos conquistados pelo tcheco fora do Ultimate devem ter importância diferente. Pela companhia, o adversário soma duas apresentações.

PUBLICIDADE:

“É diferente. A sequência de vitórias dele (Prochazka) não é dentro do UFC. Essa série de triunfos é muito difícil de se conquistar quando se está no Ultimate. Não significa muito”, afirmou Glover.

Veja Também

Antigo campeão do Rizin, Jiri tentará uma conquista relâmpago de cinturão na empresa. Caso supere Teixeira, o tcheco assumirá o trono somando três compromissos pela organização.

PUBLICIDADE:

Aos 42 anos, Glover busca ampliar seu legado na companhia. Campeão desde outubro da temporada passada, quando desbancou Jan Blachowicz, o mineiro pode se igualar a Lyoto Machida como o segundo brasileiro a defender o cinturão dos meio-pesados do UFC.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276