Igor Araujo, Yan Cabral e Alan Nuguette estreiam com vitória no UFC Barueri

Lutadores foram destaques no card preliminar do show; Iliarde Santos perde terceira seguida e se complica

Y. Cabral (foto) vence primeira no UFC. Foto: Divulgação / UFC

O card preliminar do UFC Fight Night 29, evento que acontece nesta quarta-feira (09), em Barueri (SP), foi dos estreantes. Os brasileiros Igor Araujo, Yan Cabral e Alan Nuguette, que faziam as primeiras lutas na organização, puderam deixar o octógono com a vitória. Eles passaram por Ildemar Marajó, David Mitchell e Garett Whiteley, respecitavamente.

Igor Araujo surpreende e vence Ildemar Marajó

No duelo 100% brasileiro do card preliminar, Ygor Araujo surpreendeu o favorito Ildemar Marajó. Cotado como azarão na disputa, Igor, que participou do TUF 16 nos Estados Unidos, entrou no octógono disposto a mostrar serviço.

Logo no início da luta ele não se intimidou com a maior envergadura do compatriota, encurtou a distância e tentou a queda. Marajó se defendeu bem, inverteu a posição e acabou por cima. Mas com bom jogo de solo, Araújo voltou a inverter a posição e terminou o round por cima.

Na segunda parcial, o estreante conseguiu, novamente, impor seu jogo e não deu brechas para Marajó soltar sua trocação. Apesar de não ser contundente, Igor dominou o rival na luta solo e igualou a disputa.

Com os dois atletas cansados, o terceiro round seria o responsável por definir o vencedor. E quem saiu do octógono com o braço erguido foi Igor Araújo. Repetindo a estratégia da parcial anterior, ele levou Ildemar para solo, trabalhou por cima e defendeu as desesperadas chaves de calcanhar aplicada por Marajó.

Ao final, vitória de Igor Araújo na decisão unânime dos juízes (29×28, 29×28, 29×28).

Yan Cabral estreia com vitória no UFC

Destaque da segunda edição do TUF Brasil, Yan Cabral debutou no octógono em grande estilo. Depois de abandonar o reality show do UFC devido a uma contusão na mão, o atleta da carioca fez valer a confiança da organização e dominou David Mitchell.

Logo no início da luta, o brasileiro encurtou a distância, levou a luta para o solo e mostrou suas habilidades no jiu-jitsu. O lutador da Nova União esteve perto de finalizar com um mata-leão ao chegar as costas, mas o norte-americano também teve muita técnica e conseguiu efetuar a defesa. Mesmo assim, Cabral dominou a peleja ao final do primeiro round.

No segundo assalto, o brasileiro acertou um bom golpe de esquerda e, logo em seguida, derrubou Mitchell e o manteve no solo. Com vantagem nas papeletas dos juízes, Yan sacramentou o triunfo com a mesma estratégia da parcial anterior. Derrubou David Mitchell, abusou da movimentação na luta de solo e tentou a finalização até o final.

Ao final, vitória de Yan Cabral na decisão unânime dos juzíes (30×27, 30×27, 30×27).

Alan Nuguette também debuta com triunfo

Na primeira luta do evento, Alan Nuguette também debutou no evento em grande estilo. Diante de Garett Whiteley, o brasileiro surpreendeu o rival e venceu por nocaute técnico no primeiro round.

Nuguette, que apostava na vitória no jogo de solo, encontrou dificuldades para derrubar o norte-americano. Mas quando Whiteley foi para o ataque na trocação, o brasileiro encaixou um justo contragolpe. Com um golpe de esquerda, Nuguette levou o adversário a knockdown e com mais dois socos encerrou a disputa em pouco mais de três minutos de luta.

Iliarde perde mais uma vez

O paraense Iliarde Santos sofreu sua terceira derrota consecutiva no UFC e pode ter sua situação dentro do evento em risco. O brasileiro até começou bem a luta diante Chris Cariaso, mas acabou superado na afiada trocação do rival.

Iliarde teve o melhor início quando bloqueou um chute do rival e derrubou o norte-americano. Por cima, ele somou pontos e abriu vantagem. Mas o castigo veio no segundo assalto.

O brasileiro abriu o jogo e buscou a troca franca de golpes. Neste momento, Cariaso se aproveitou e mostrou ter um jogo em pé mais afiado. Ele  acertou um bom direto, que deixou Iliarde tonto. Com mais alguns potentes socos e com Santos sem condições de defesa, Chris Cariaso conseguiu encerrar a peleja no final do segundo round por nocaute técnico.

Confira abaixo os resultados do card preliminar do UFC Barueri:

Card principal 

Demian Maia vs. Jake Shields;

Erick Silva vs. Dong Hyun Kim;

Thiago Silva vs. Matt Hamill;

Fábio Maldonado vs. Joey Beltran;

Rousimar Toquinho vs. Mike Pierce;

Raphael Assunção vs. TJ Dillashaw;

Card preliminar

Igor Araújo derrotou Ildemar Marajó na decisão unânime dos juízes;

Yan Cabral derrotou David Mitchell na decisão unânime dos juízes;

Chris Cariaso derrotou Iliarde Santos por nocaute técnico no R2;

Alan Nuguette derrotou Garett Whiteley por nocaute técnico no R1;

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments