AO VIVO

Acompanhe o UFC 276, com disputas de cinturão e Alex Poatan

Joanna revela ter se surpreendido Zhang no UFC 275 e aposta na chinesa contra Esparza pelo cinturão

Polonesa, que acabou nocauteada no segundo round, diz que não esperava força da adversária no duelo

J. Jedrzejczyk em entrevista pós-evento no UFC 275. Foto: Reprodução/YouTube

Aposentada oficialmente do MMA, Joanna Jedrzekczyk descarta ter sentimento negativo de sua última algoz. A polonesa, que acabou nocauteada brutalmente na revanche pelo UFC 275 do último sábado (11), revelou ter ficado surpresa com força de Weili Zhang e considera a chinesa favorita contra Carla Esparza pelo cinturão das palhas (até 52,1kg.).

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Primeiro round para Weili Zhang, sabe? Ela é muito forte. Primeiramente, ela realmente me surpreendeu com sua estratégia também na luta agarrada. Nós sabíamos que ela era forte na trocação, mas ela também foi muito forte. Fez um bom trabalho e vai ser interessante em vê-la (pelo cinturão das palhas) contra Carla Esparza”, disse Jedrzejczyk em entrevista coletiva pós-evento.

E não para por aí. Além de uma projeção favorável à chinesa, Joanna também aposta que Weili fará uma trilogia diante de Rose Namajunas. Ela afirma que deseja acompanhar o seguimento da categoria e cita a rivalidade como a ‘parte bonita’ do esporte.

PUBLICIDADE:

“Acredito que ela vença e tenha uma luta contra Rose e eu sinto como se ela fosse a próxima, sabe? Essa é a parte bonita do esporte”, concluiu.

Aos 34 anos, Joanna Jedrzejczyk deixa as artes marciais mistas com um cartel de 16 vitórias e cinco derrotas. A polonesa é considerada, para muitos, como o maior nome da história das palhas (até 52,1kg.), mas se aposenta em sua luta de retorno após mais de dois anos em inatividade.

PUBLICIDADE:

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276