Eterna promessa do Bellator, Michael Page explica decisão de se aventurar no ‘boxe sem luvas’

O 'MVP' surpreendeu ao revelar que sempre viu a modalidade com bons olhos e mostrou empolgação para o duelo contra Mike Perry

M. Page é atleta dos meio-médios do Bellator (Foto: Reprodução/Instagram)

Eterna promessa do Bellator, o inglês Michael Page surpreendeu o mundo das artes marciais ao anunciar que enfrentará o norte-americano Mike Perry no Bare Knuckle FC, o ‘boxe sem luvas’. Em entrevista ao ‘MMA Junkie’, o ex-desafiante dos meio-médios (até 77,1kg) mostrou empolgação com a nova aventura e admitiu que o seu interesse na modalidade é antigo.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Meus treinadores me procuraram e disseram que poderiam ter uma oportunidade, mas obviamente depende do Bellator. Apresentei a oportunidade para o Bellator, eles falaram com o Bare Knuckle e desde então tem andado bem rápido. Todo mundo está animado para isso. Acho que é benéfico para todos. Vai fazer algum barulho e acho que fica ótimo para uma organização como o Bellator. Isso mostra que eles estão apoiando seus lutadores. Você pode ver isso com a potencial colaboração, também com o Eagle FC. Então eles estão fazendo movimentos e eu sou o mais barulhento”, disse Page.

Se para muitas pessoas o ‘boxe sem luvas’ é visto com desconfiança, Page admitiu que sempre olhou com bons olhos para a modalidade e que já possuía o interesse de se aventurar por lá.

PUBLICIDADE:

“Quando começou a ficar mais popular, eu pensei, ‘Sim, talvez um dia eu pule lá.’ Nunca pensei que fosse ser tão rápido assim. Mas sim, definitivamente já estava na minha mente”, finalizou o ‘MVP’.

Aos 35 anos, Page sempre foi considerado um grande prospecto no Bellator, mas nunca correspondeu às expectativas. Em sua última luta, valendo o cinturão interino dos meio-médios, o britânico foi derrotado pelo norte-americano Logan Storley na decisão dividida dos juízes. O ‘MVP’ possui um cartel de 20 triunfos e dois reveses no MMA profissional.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano