Após ‘malandragem’ em pesagem, Jeremy Stephens supera Myles Price e volta a vencer depois de quase cinco anos

Veterano, que precisou raspar a cabeça e teve dificuldade para bater o peso, não se deixou abater e venceu o irlandês na decisão dividida dos juízes

J. Stephens fez luta apertada com M. Price. Foto: Reprodução/Twitter @pflmma

Após a polêmica na pesagem, em que Jeremy Stephens foi acusado de usar de artimanhas para bater o peso dos leves (até 70,3kg.), o norte-americano mostrou que não se deixou abater com a polêmica, venceu Myles Price e teve os ‘braços erguidos’ no card principal da PFL #4 2022, evento realizado nesta sexta-feira (17).

PUBLICIDADE:

Stephens, inclusive, volta a triunfar depois de mais de quatro anos. A última vez que ele havia saído vitorioso foi contra Josh Emmett – que faz a luta principal do UFC Austin deste sábado (18) contra Calvin Kattar -, em fevereiro de 2018.

Veja Também

Agora, Jeremy sente o sabor da primeira vitória na PFL. O veterano soma 29 triunfos, 20 reveses e uma luta ‘sem resultado’ em sua carreira, que começou em 2005. Já Price tem 11 resultados positivos e oito negativos.

PUBLICIDADE:

A Luta

Price surpreendeu e tentou a queda, mas acabou sendo revertido por Stephens, que caiu na meia-guarda. O veterano conseguiu pontuar, mas optou por se levantar. Maior, Myles provocava seu adversário, mas viu Jeremy trabalhar os melhores golpes na trocação franca.

Junto à grade, Stephens usou de sua experiência para dominar as melhores ações com os golpes mais potentes. Myles, por outro lado, chegou a responder na curta distância e o round se manteve acirrado até o final.

No terceiro round, o veterano começou colocando para baixo e fez a transição para a montada, mas viu Price sair da posição e ficar em pé rapidamente. Myles, novamente, voltou a estar em posição de dominância no jogo de chão e anulou o veterano até o final.

PUBLICIDADE:

Resultados da PFL 2022 #4

CARD PRINCIPAL

Peso leve (até 70,3kg.): Alexander Martinez derrotou Clay Collard na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

PUBLICIDADE:

Peso meio-pesado (até 93kg.): Antônio Cara de Sapato derrotou Bruce Souto na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso leve (até 70,3kg.): Olivier Aubin-Mercier derrotou Raush Manfio na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28)

Peso leve (até 70,3kg.): Jeremy Stephens derrotou Myles Price na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

CARD PRELIMINAR

Peso meio-pesado (até 93kg.): Omari Akhmedov derrotou Teodoras Aukstuolis por finalização (estrangulamento) aos 2m50s do R2

Peso leve (até 70,3kg.): Natan Schulte derrotou Marcin Held na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 30-27)

Peso meio-pesado (até 93kg.): Delan Monte derrotou Emiliano Sordi por nocaute técnico (socos) aos 1m32s do R1

Peso meio-pesado (até 93kg.): Rob Wilkinson derrotou Viktor Pesta por nocaute técnico (socos) aos 3m03s do R3

Peso meio-pesado (até 93kg.): Josh Silveira derrotou Martin Hamlet por nocaute técnico (socos) aos 3m27s do R1

Peso leve (até 70,3kg.): Nate Jennerman finalizou Jake Childers com um mata-leão a 2m do R2

Podcast #69: Alex Poatan brilha e Adesanya sai vaiado no UFC 276