Com cinco brasileiros no card, Mousasi e Eblen disputam o cinturão dos médios no Bellator 282 nesta sexta

Com grande número de atletas tupiniquins, o evento ainda contará com duas lutas válidas pelas quartas de final do Grand Prix dos galos

G. Mousasi e J. Eblen se cumprimentam após encarada antes do Bellator 282 (Foto: Twitter/@bellatormma)

No noite dessa sexta (24), o cage circular do Bellator será montado mais uma vez na Mohegan Sun Arena, em Uncasville, Connecticut (EUA). Liderando a edição de número 282 da organização presidida por Scott Coker, o card vem encabeçado pela esperada disputa do cinturão dos médios (até 83,9kg) entre o campeão Gegard Mousasi e o invicto Johnny Eblen. Ao todo, estão programadas 14 lutas para o evento, com cinco brasileiros entre os combatentes.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Campeão dos médios desde outubro de 2020, o veteraníssimo Gegard Mousasi vai para a sua terceira defesa de cinturão no Bellator 282. Desde que assumiu o reinado, após derrotar o brasileiro Douglas Lima, o lutador de 36 anos bateu, respectivamente, John Salter e Austin Vanderford e se consolidou como número 1 da divisão até 83,9kg na organização liderada por Scott Coker.

Do outro lado do cage circular, Mousasi terá uma dura missão: o prospecto invicto Johnny Eblen vem sedento para destronar o veterano e conquistar o cinturão dos médios. O discípulo da academia American Top Team se tornou profissional em 2017 e, desde então, conquistou 11 vitórias consecutivas, sem nunca ter sentido o gosto amargo de uma derrota.

PUBLICIDADE:

Grand Prix dos pesos galos

Chaveamento do Grand Prix dos pesos galos (Foto: Twitter/@bellatormma)

Seguindo o empolgante Grand Prix dos pesos galos (até 61,2kg), o Bellator 282 será o palco da continuação da quartas de final do torneio. O brasileiro Leandro Higo enfrenta o falastrão Danny Sabatello. Os dois lutadores vêm trocando provocações através da imprensa nas últimas semanas e o duelo promete ser quente dentro do cage circular.

Em sua terceira luta vestindo as luvas do Bellator, o russo Magomed Magomedov enfrenta o peruano ex-UFC Enrique Barzola, que em dois combates na organização conquistou dois triunfos, um deles sobre o ex-campeão da divisão Darion Caldwell. O vencedor do embate irá medir forças com a maior surpresa do torneio até aqui: Patchy Mix, que derrotou o japonês Kyoji Horiguchi, considerado um dos melhores do mundo nessa faixa de peso.

PUBLICIDADE:

Esquadrão Brasileiro no Bellator 282

Além de Leandro Higo, o Brasil terá outros quatro representantes no cage do Bellator 282: Killys Mota, Maycon Mendonça, Ilara Joanne e Fábio Aguiar, enfrentam, respectivamente: Dan Moret, Sabah Homasi, Alejandra Lara e Aaron Jeffery. Todos os duelos serão realizados no card preliminar do espetáculo.

Ficha técnica do Bellator 282

Data: 24 de junho de 2022

PUBLICIDADE:

Horário: A partir das 19h00 (horário de Brasília)

Local: Mohegan Sun Arena, em Uncasville, Connecticut (EUA)

Como assistirSUPER LUTAS AO VIVO o card preliminar na integra mais em TEMPO REAL de todas as lutas; Card Principal: ESPN 4

Relação de lutas do Bellator 282

CARD PRINCIPAL (22h00, horário de Brasília)

Peso médio (até 83,9kg): Gegard Mousasi x Johnny Eblen – Luta pelo cinturão

Peso galo (até 61,2kg): Leandro Higo x Danny Sabatello – GP dos galos

Peso galo (até 61,2kg): Magomed Magomedov x Enrique Barzola – GP dos galos

Peso meio-médio (até 77,1kg): Brennan Ward x Kassius Kayne

CARD PRELIMINAR (19h00, horário de Brasília)

Peso leve (até 70,3kg): Dan Moret x Killys Mota

Peso pena (até 65,7kg): Lucas Brennan x Johhny Soto

Peso leve (até 70,3kg): Brent Primus x Alexksandr Shabily

Peso pena (até 65,7kg): Cat Zingano x Pam Sorenson

Peso médio (até 83,9kg): Anatoly Tokov x Muhammad Abdullah

Peso meio-médio (até 77,1kg): Sabah Homasi x Maycon Mendonça

Peso mosca (até 56,7kg): Alejandra Lara x Ilara Joanne

Peso pena (até 65,7kg): Cody Law x James Gonzalez

Peso médio (até 83,9kg): Aaron Jeffery x Fábio Aguiar

Peso leve (até 70,3kg): Bryce Logan x Mandel Nallo

Podcast #73: MAIOR DE TODAS? Amanda Nunes volta a reinar no UFC