Eficiente na luta agarrada, Killys Mota vence Dan Moret, por pontos, no card preliminar do Bellator 282

O atleta tupiniquim não deu brechas para a trocação do veterano e com um jogo de chão afiado, saiu vitorioso na decisão unânime dos juízes.

D. Moret (dir) e Killys Mota (esq) em encarada antes do Bellator 282 (Foto: Instagram/@bellatormma)

Com um show na luta agarrada, o brasileiro Killys Mota saiu vitorioso no encerramento do card preliminar do Bellator 282. Diante do norte-americano Dan Moret, o atleta tupiniquim fez um jogo pouco visto, mas eficiente, e venceu na decisão unânime dos juízes. O espetáculo aconteceu na Mohegan Sun Arena, em Uncasville, Connecticut (EUA).

PUBLICIDADE:

Após a vitória, Killys se recupera dos dois últimos reveses sofridos na organização e agora passa a marcar 13 triunfos e três reveses em sua carreira profissional. Veterano das artes marciais mistas, Dan Moret sofre a sua segunda derrota seguida e seu retrospecto no esporte passa a ser de 15 resultados positivos e oito negativos.

Veja Também

A LUTA

Killys começou o confronto a mil por hora, castigando o seu rival com uma sequência de golpes e depois entrando em queda e o botando para baixo. Moret tentava resistir ao ímpeto inicial do brasileiro, que já tentava pegar as suas costas. Mota foi para a montada para tentar golpear o seu rival no ground and pound. O norte-americano conseguiu resistir e voltou a ficar de pé faltando pouco menos de dois minutos para o fim do round. Os dois atletas entraram em uma intensa trocação franca no minuto final e levantaram o público presente na arena. Killys levou o norte-americano para o clinch nos segundos finais, tentou explodir para cima do seu rival mas o gongo soou.

PUBLICIDADE:

Killys voltou para o segundo round já aplicando a queda em Moret, que novamente ficou de costas no chão. O norte-americano tentava ficar de lado, mas era golpeado pelo brasileiro. Mota seguia dominante na luta agarrada, mesmo quando ficava sem golpear, grudava de forma intensa em Dan, controlando totalmente a luta. Moret conseguiu escapar da posição e aplicou uma boa combinação de joelhadas, que pegaram em cheio no brasileiro. Killys tentou entrar em queda novamente e foi surpreendido por uma tentativa de finalização do norte-americano, que não foi bem sucedida.

Mais esperto, Moret não caiu na tentativa de queda ‘padrão’ do brasileiro em início de round. O norte-americano conseguiu manter a luta em pé, levando vantagem na envergadura. Bastante cansados, os dois atletas passaram a adotar a trocação como estratégia e Moret passou a acertar os melhores golpes. Vendo o ‘prejuízo’, Killys botou para baixo faltando pouco menos de dois minutos para o fim do round. O brasileiro passou apenas a travar o combate no solo, para tentar vencer o round e, consequentemente, a luta. O duelo terminou com algumas vaias do público presente.

Promessa dos penas, Lucas Brennan vence por finalização ainda no primeiro round

L. Brennan x J. Soto (Foto: Instagram/@bellatormma)

PUBLICIDADE:

Prospecto da divisão dos penas (até 65,7kg), Lucas Brennan segue sem saber o que é derrota em sua carreira. No card preliminar do Bellator 282, o norte-americano não tomou conhecimento do seu compatriota Johnny Soto e venceu com um mata-leão ainda no primeiro round.

Com sete vitórias na carreira, todas pelo Bellator, Brennan vai se consolidando como um dos grandes nomes da divisão liderada pelo brasileiro Patrício Pitbull. Johnny Soto sofre o segundo resultado negativo de sua carreira e agora marca 4 resultados positivos e três negativos no MMA.

PUBLICIDADE:

Ex-campeão dos leves, Brent Primus é nocauteado por prospecto russo

B. Primus x A. Shabily (Foto: Instagram/@BellatorMMA)

Ex-campeão e número dois do ranking dos leves (até 70,3kg), Brent Primus foi surpreendido pelo prospecto russo Alexander Shabliy e acabou nocauteado no segundo round. Em duelo que estava, até então, equilibrado, Primus tentou encurtar a distância e foi surpreendido por uma sequência de cruzados no contragolpe. O norte-americano foi à nocaute e coube ao árbitro central apenas interromper o embate.

Com o triunfo, Shabliy conquistou o seu sétimo triunfo consecutivo e deve aparecer, na próxima atualização do ranking, no top-5 da divisão dos penas. O russo possui um cartel de 22 triunfos e três reveses no MMA. Por outro lado, Primus agora marca 11 resultados positivos e três negativos no esporte.

Cat Zingano supera lesão e vence Pam Sorenson na decisão unânime dos juízes

C. Zingano e P. Sorenson na pesagem do Bellator 282 (Foto: Instagram/@bellatormma)

Veterana das artes marciais conquistou sua terceira vitória consecutiva no Bellator e se consolidou como uma das possíveis desafiantes da campeã das penas (até 65,7kg) Cris Cyborg. Na noite dessa sexta (24), a norte-americana superou uma lesão no joelho, durante o combate, que a impediu de atuar 100%, mas derrotou Pam Sorenson de forma tranquila na decisão unânime dos juízes.

Com o triunfo, a ‘Alpha’ passou a ostentar o retrospecto de 13 triunfos e seis reveses em sua carreira e segue na coluna das vitórias desde sua saída do UFC, em 2018. Já a sua compatriota Pam Sorenson sofreu sua segunda derrota em três lutas na empresa e agora marca nove resultados positivos e cinco negativos como profissional de MMA.

Podcast #74: O Adeus trágico a Leandro Lo +Derrotas brasileiras no UFC Vegas 59



Resultados do UFC San Diego Resultados da PFL 8 2022 Principais destaques do UFC San Diego Principais destaques da PFL 8 2022 Ranking dos meio-pesados do UFC