Estrela do UFC 276, Volkanovski revela desejo por mudança no sistema de pontuação no MMA

Campeão dos penas, australiano diz que lutadores poderiam 'parar de chorar' quando fossem derrotados por pontos

A. Volkanovski posa com cinturão dos penas. Foto: Reprodução/Instagram @alexvolkanovski

A discussão sobre uma possível mudança no sistema de pontuação adotado pelos principais eventos de MMA na atualidade segue dando o que falar. E, uma das alternativas, seria o ‘placar aberto’, onde os atletas teriam conhecimento sobre as marcações dos juízes ao final de cada round.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Estrela do UFC 276, evento que acontece no próximo sábado (2), o campeão dos penas (até 65,7kg.) Alexander Volkanovski se mostra a favor da ideia. Para ele, os lutadores têm reclamado com frequência sobre os resultados controversos e, por isso, poderiam adaptar suas estratégias nos combates.

“Eu não me importo com a pontuação aberta. Não acho que seja tão ruim assim, pois você pode saber se ainda tem chance de vencer as lutas ou algo assim. Por ter essa pontuação aberta, para que todos saibam, você não terá pessoas chorando por decisões. Estou farto de pessoas usarem isso como desculpa. No final do dia, a pontuação aberta ajudará com isso, mas não deveria, porque você deve ter um time bom o suficiente para te falar, de forma justa, se está vencendo ou perdendo os rounds. Tenho sorte de ver vitórias assim, mesmo que estivesse em lutas equilibradas”, disse Volkanovski, em participação ao canal de Israel Adesanya no ‘YouTube’.

PUBLICIDADE:

Alexander esteve envolvido em duas lutas apertadas, justamente contra Max Holloway, seu adversário no UFC 276. Apesar de ter saído com os braços erguidos nos confrontos anteriores, o australiano não hesitou em aceitar mais um desafio contra o havaiano pelo cinturão até 65,7kg.

Podcast #73: MAIOR DE TODAS? Amanda Nunes volta a reinar no UFC