Julianna Peña contesta derrota de Taila Santos sobre Valentina Shevchenko: ‘Fiquei desapontada’

Norte-americana afirma ter visto triunfo da brasileira e não concorda com resultado dos juízes no UFC 275

J. Peña em gravações do ‘The Ultimate Fighter’. Foto: Reprodução/Instagram

Campeã das galos (até 62,1kg.), Julianna Peña deu sua opinião sobre a recente luta entre Valentina Shevchenko e Taila Santos. Em entrevista ao ‘The Schmo’, a norte-americana acredita que a desafiante tenha feito o suficiente para sair com os ‘braços erguidos’, apesar de grave fratura no olho diante da quirguiz. A brasileira, no entanto, acabou superada na decisão dividida dos juízes, em duelo que aconteceu no UFC 275.

PUBLICIDADE:

“Eu marquei vitória da Taila (Santos). Ela bateu (a Valentina Shevchenko) com um olho e ainda perdeu. Foi horrível”, disse Peña.

Veja Também

Ainda na entrevista, Peña, que foca na preparação para a revanche contra Amanda Nunes no UFC 277, revelou ter planos de revanche contra Valentina. As duas lutadoras mediram forças em janeiro de 2017, quando a quirguiz finalizou com uma chave de braço.

PUBLICIDADE:

“Eu sei que eu e Valentina também temos alguns negócios inacabados que eu gostaria de resolver com uma revanche e lutar mais uma vez, também. Eu pensei que Taila tivesse feito o suficiente para vencer e fiquei desapontada por ela não ter vencido”, concluiu.

Adversária mais dura de Shevchenko no peso mosca, Taila fez história ao se tornar a primeira atleta a entregar perigo real à campeã. Após cinco rounds equilibrados, Valentina foi declarada vencedora na decisão dividida dos juízes. A brasileira sofreu uma fratura no osso orbital depois de um choque de cabeças no quarto round.

Podcast #73: MAIOR DE TODAS? Amanda Nunes volta a reinar no UFC