Ex-campeão linear dos moscas, Brandon Moreno ignora críticas a disputa de cinturão interino

O lutador mexicano também 'comemorou' a oportunidade de encarar um novo desafio, após três duelos seguidos contra Deiveson Figueiredo

B. Moreno encara K. Kara-France antes do UFC 277 (Foto: Instagram/@ufc)

Mesmo sendo ex-campeão linear da divisão dos moscas (até 56,7kg), Brandon Moreno mostrou respeito e afirmou que levará a sério a disputa do cinturão interino. Às vésperas do UFC 277, que acontece no próximo sábado (30), o lutador mexicano disse que, caso vença a revanche contra Kai Kara-France, se sentirá campeão mundial como da primeira vez e fez muitos elogios ao seu rival.

PUBLICIDADE:

LEIA MAIS: Irritado, Deiveson Figueiredo critica UFC por disputa de título interino nos moscas: ‘Cinturão de plástico’

Veja Também

“Na hora em que Dana White colocar o cinturão na minha cintura, me sentirei o verdadeiro campeão mundial. Estou fazendo tudo certo, tomando as decisões que precisam ser tomadas, o sacrifício, comendo direito, e por isso me sentirei o campeão mundial. Não sei como vou vencer a luta, mas vou mostrar ao mundo o que posso fazer, porque posso finalizar a luta no chão ou em pé. A única certeza é de que vou comer pizza no cinturão, como se o cinturão fosse um prato”, disse Moreno.

PUBLICIDADE:

Após três duelos consecutivos contra Deiveson Figueiredo, Brandon Moreno comemorou a oportunidade de medir forças contra uma ‘cara nova’ e elogiou o seu rival do UFC 277.

“É um alívio porque, mesmo sendo uma revanche contra Kai Kara-France, após lutar três vezes com o mesmo cara é muito bom ter uma cara nova na frente e um novo plano de luta. Sabia que enfrentaria Kara-France no futuro. Em 2019 éramos jovens, começando nossas carreiras, e ele melhorou muito nos últimos dois anos. Será uma luta interessante. Espero que ele venha com mais confiança e mais experiência, porque o estilo dele casa bem com o meu. Nós dois buscamos finalizar nossas lutas, gostamos de trocar golpes em pé e vamos atrás do nocaute o tempo todo. Começamos e terminamos do mesmo jeito, por isso preciso ser inteligente, mas não cauteloso. O mesmo Brandon Moreno que todos conhecem estará lá”, afirmou o lutador mexicano.

Ex-campeão dos moscas, Moreno foi derrotado por Deiveson Figueiredo no último mês de janeiro, na decisão unânime dos juízes. Contratado pelo UFC em 2019, o atleta mexicano possui um cartel de 19 triunfos, seis reveses e dois empates como profissional.

PUBLICIDADE:

Podcast #73: MAIOR DE TODAS? Amanda Nunes volta a reinar no UFC