Campeão linear dos moscas, Deiveson Figueiredo ‘exige’ que quarta luta contra Brandon Moreno seja no Brasil

Após subir no octógono do UFC 277, o brasileiro aceitou a quadrilogia contra o mexicano, desde que o duelo, dessa vez, fosse em terras tupiniquins

B. Moreno e D. Figueiredo no octógono do UFC 277 (Foto: Reprodução/Instagram)

Imediatamente após Brandon Moreno bater Kai Kara-France e conquistar o cinturão interino dos moscas (até 56,7kg), o campeão linear Deiveson Figueiredo subiu ao octógono para ‘trocar algumas palavras’ com o mexicano. Diante dos microfones de Joe Rogan, o brasileiro aceitou enfrentar o ‘Bebê Assassino’ pela quarta vez, desde que, a luta seja em solo brasileiro. O ‘Deus da Guerra’ não escondeu o entusiasmo com o ‘sim’ dito pelo seu rival.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Ei, eu quero levar essa luta para o Brasil. Vamos lutar na minha casa? Eu já lutei na sua casa por várias vezes, vamos lutar no Brasil agora?”, perguntou Deiveson.

Sem pestanejar, o campeão interino respondeu que aceita o desafio e emendou prontamente:

PUBLICIDADE:

“Vamos lá. Eu estou pronto. Eu não ligo. Vamos lá, vamos ao Brasil”, emendou o mexicano.

Com o duelo encaminhado, Deiveson Figueiredo e Brandon Moreno dividirão o octógono pela quarta vez em aproximadamente dois anos. Em números, o confronto está rigorosamente empatado, com uma vitória para cada lado e um empate. No último embate entre ambos, em janeiro de 2020, os pesos moscas quebraram um recorde da organização e se tornaram os primeiros atletas da história da empresa a emendarem três confrontos consecutivos.

Podcast #74: O Adeus trágico a Leandro Lo +Derrotas brasileiras no UFC Vegas 59



Resultados do UFC San Diego Resultados da PFL 8 2022 Principais destaques do UFC San Diego Principais destaques da PFL 8 2022 Ranking dos meio-pesados do UFC