De olho em uma disputa de cinturão, Alexandre Pantoja acredita que pode ser um ‘campeão dominante’ nos moscas

Número quatro da divisão, o brasileiro comentou sobre a sua recente recusa a disputa de cinturão e prometeu dominar a categoria, caso conquiste o título

A. Pantoja (dir.) finalizou A. Perez (esq.) no primeiro round. Foto: Reprodução/Instagram @ufcespanol

A vitória rápida e categórica de Alexandre Pantoja sobre Alex Perez no UFC 277, consolidou o brasileiro como um dos principais nomes a disputar o cinturão dos moscas (até 56,7kg) no futuro. O lutador brasileiro comentou que precisou recusar uma oportunidade de disputar o título devido a uma lesão no joelho e cravou que possui totais condições de ser um campeão dominante na categoria.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Antes desta luta, eu enfrentei Brandon Royval, finalizei também, e fui chamado para lutar pelo cinturão, só que tinha acabado de sair da minha cirurgia e de forma alguma eu queria travar a categoria. Eu não poderia lutar por seis meses e falei: ‘Não posso lutar’. A gente continuou trabalhando. Eu falo muito que Deus falou para mim que, por mais que eu estivesse perto do cinturão, Ele ia querer que eu provasse novamente que eu estava pronto para lutar. E hoje, novamente, eu falo com Deus que quero mostrar que estou pronto para lutar pelo cinturão. Cada vez mais vejo que posso ser o campeão dominante desta categoria”, disse Pantoja.

Número quatro da categoria até 56,7kg, Pantoja agora fica com o seu futuro indefinido, pois, no mínimo, caso não haja nada fora do normal, terá que aguardar o quarto duelo entre Deiveson Figueiredo e Brandon Moreno, atuais campeões linear e interino da divisão. Com três vitórias seguidas, o atleta tupiniquim possui um cartel de 25 triunfos e cinco reveses em sua carreira como profissional.

PUBLICIDADE:

Podcast #74: O Adeus trágico a Leandro Lo +Derrotas brasileiras no UFC Vegas 59



Resultados do UFC San Diego Resultados da PFL 8 2022 Principais destaques do UFC San Diego Principais destaques da PFL 8 2022 Ranking dos meio-pesados do UFC