Em luta histórica, Pezão e Hunt empatam no UFC Fight Night 33

Na luta principal do retorno do Ultimate a Austrália, os pesos pesados travaram um duelo emocionante e com muita alternância no controle

mark_hunt_x_pezao_gettyMesmo sem vencedor ou vencido, a luta principal O UFC Fight Night 33, evento realizado na madrugada deste sábado (07), em Brisbane, na Austrália, foi digna de aplausos. Os pesos pesados Antônio Pezão e Mark Hunt travaram um duelo eletrizante e repleto de alternâncias no controle. Ao final de 25 minutos de uma verdadeira guerra, os árbitros laterais decretaram o empate.

A luta

O duelo entre Pezão e Hunt começou estudado. Com dois atletas com grande poder de nocaute e que podem definir o combate com apenas um golpe, eles preferiram não se arriscar nos primeiros movimentos e optaram pelo estudo. O brasileiro teve o melhor momento do primeiro round quando encurtou a distância e aplicou um duro golpe que derrubou o neozelandês. Mas Mark rapidamente se levantou.

LEIA Shogun nocauteia Te Huna e reencontra caminho das vitórias

O segundo round transcorreu com o brasileiro tentando manter a disputa na média distância com chutes baixos e pisões frontais, enquanto Hunt respondia com seu perigoso overhand de esquerda. Apesar de um início melhor de Mark, foi Pezão quem terminou a parcial melhor.

No terceiro assalto Mark Hunt teve seu grande momento na luta. Ele acertou um direto no queixo do atleta paraibano e o levou a knockdown. Por cima na luta de solo durante quase dois minutos, o neozelandês abusou das cotoveladas para abrir um corte no rosto do lutador tupiniquim.

MAISMonstro vence e Bruno Carioca estreia mal no card preliminar

Após o susto na parcial anterior foi a vez de Pezão assumir o controle no quarto round. Com os atletas já demonstrando cansaço pelo ritmo intenso da luta, o brasileiro pareceu estar melhor condicionado. Apesar de ainda aparentar sentir o castigo do assalto anterior, ele conseguiu sair de uma posição de desvantagem e na trocação, especialidade do rival, acertar vários golpes em Mark. O paraibano terminou o round montado em um desgastado Mark Hunt.

Com a luta totalmente indefinida, Mark Hunt buscou forças de onde não tinha para acertar o brasileiro. O ‘Super Samoano’, como é conhecido, atingiu o atleta tupiniquim na luta em pé com cotoveladas, que abriram um profundo corte na testa. O arbitro Steve Perceval chegou a interromper o combate para que o médico analisasse o ferimento no brasileiro.

Na volta à luta, Pezão tentou descontar o prejuízo e encurralou Mark contra as grades e disparou vários socos e joelhadas. No final da luta, os dois se abraçaram e foram aplaudidos de pé por toda a arena.

No anúncio do resultado oficial, um juiz marcou vitória de Mark Hunt por 48×47, enquanto outros dois viram o empate em 47×47.

Confira abaixo os resultados completos do UFC Fight Night 33:

Card Principal

Mark Hunt vs. Antônio Pezão empataram de forma majoritária;

Mauricio Shogun derrotou James Te Huna por nocaute no R1;

Ryan Bader derrotou Anthony Perosh na decisão unânime dos juízes

Soa Palelei derrotou Pat Barry por nocaute no R1;

Clint Hester derrotou Dylan Andrews por nocaute técnico no R2;

Bethe Pitbull derrotou Julie Kedzie por decisão dividida dos juízes;

Card Preliminar

Takeya Mizugaki derrotou Nam Phan na decisão unânime dos juízes

Caio Monstro derrotou Nick Ring na decisão unânime dos juízes;

Justin Scoggins derrotou Richie Vaculik por nocaute técnico no R1;

Krzysztof Jotko derrotou Bruno Carioca por decisão unânime dos juízes.

Alex Garcia derrotou Ben Wall por nocaute no R1.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments