Cigano não precisará de cirurgia e deverá imobilizar mão por quatro semanas

Informações foram dadas pelo programa ‘UFC Tonight’, da emissora norte-americana ‘FOX Sports’

Cigano (foto) deverá imobilizar sua mão por quatro semanas. Foto: Josh Hedges/UFC

Cigano (foto) deverá imobilizar sua mão por quatro semanas. Foto: Josh Hedges/UFC

Júnior Cigano não irá precisar passar por cirurgia para corrigir a fratura que sofreu na mão esquerda durante os treinamentos para o combate que faria contra Stipe Miocic no TUF Brasil 3 Finale, no dia 31 de maio, em São Paulo.

De acordo com o programa “UFC Tonight”, da emissora norte-americana “FOX Sports”, Cigano lesionou a mão na semana passada e aguardou para ver se o inchaço iria diminuir, para que, assim, pudesse retomar os treinamento. No entanto, isso não aconteceu.

Depois de fazer um exame de ressonância magnética, Cigano recebeu recomendação médica para imobilizar sua mão por um período de quatro semanas a fim de diminuir os riscos de sofrer uma lesão ainda maior. Assim, o brasileiro deixou o card em São Paulo, sendo substituído por Fabio Maldonado na luta principal da noite.

Na última semana, antes do anúncio de que deixaria a luta, Cigano postou em seu Instagram uma foto na qual aparecia fazendo fisioterapia em sua mão esquerda. “Depois de mais um dia intenso de treinos, as mãos são as que mais sofrem, então fisioterapia nelas”, escreveu o lutador.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments