Após bater Stephens, Swanson almeja luta com Aldo: ‘Quero destronar a lenda’

Lutador norte-americano usa como inspiração o exemplo de Chris Weidman, que roubou o título de Anderson Silva em 2013

C. Swanson (foto) bateu J. Stephens na luta principal do UFC FN 44. Foto: Josh Hedges/UFC

C. Swanson (foto) bateu J. Stephens na luta principal do UFC FN 44. Foto: Josh Hedges/UFC

Cub Swanson sonha alto depois de sua vitória no UFC Fight Night 44, realizado no último sábado (28). O lutador norte-americano, que conquistou seu sexto triunfo consecutivo no Ultimate ao superar Jeremy Stephens na decisão dos juízes, espera a seguir poder desafiar José Aldo pelo título dos penas da organização.

Como inspiração, Swanson citou o exemplo de seu compatriota Chris Weidman, que, no ano passado, derrotou o lutador que era considerado o rei de sua categoria, Anderson Silva. “Claro que quero lutar com Aldo. Seria como Chris Weidman derrotando Anderson Silva, entende? Quero ser o cara que vai destronar a lenda. Uma luta pelo título é uma luta pelo título”, afirmou o lutador em entrevista coletiva reproduzida pelo site norte-americano “Sherdog”.

Caso Swanson de fato enfrente Aldo, a luta será uma revanche. Os lutadores já duelaram em 2009, no WEC, com uma vitória relâmpago do brasileiro. Aos oito segundos de luta, Aldo conectou uma joelhada voadora dupla, conquistando o nocaute técnico.

Porém, antes de se preocupar com Swanson, Aldo deverá fazer nova defesa de seu cinturão contra outro velho conhecido. Ele enfrentará Chad Mendes no dia 2 de agosto, uma revanche do combate realizado em janeiro de 2012.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments