Robert Drysdale recebe suspensão temporária após falha em exame antidoping

Além de campeão mundial de jiu-jitsu, Kevin Casey, que caiu no teste na mesma época, também levou gancho de comissão

Drysdale (foto) havia vencido por finalização em sua estreia no UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

Drysdale (foto) havia vencido por finalização em sua estreia no UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

Flagrados recentemente no exame antidoping após eventos do UFC realizados em julho, Robert Drysdale e Kevin Casey receberam suspensões temporárias da Comissão Atlética de Nevada nesta quinta-feira (21).

Norte-americano filho de mãe brasileira Drysdale, campeão mundial de jiu-jitsu, havia finalizado Keith Berish no TUF 19 Finale, no dia 6 de julho, mas apresentou um nível de epitestosterona acima do permitido, com uma relação 12 para 1. Ele já havia enfrentado problemas com o assunto no passado, já que sua estreia UFC chegou a ser adiada após não receber a autorização para competir no UFC 167.

Já Kevin Casey, que nocauteou Bubba Bush no dia anterior, no UFC 175, foi flagrado com drostanolona, uma substância anabolizante frequentemente usada por fisiculturistas.

A punição definitiva aos atletas será dada em uma audiência futura a ser realizada pela Comissão de Nevada, quando também deverá ser oficializadas as mudanças de resultado das lutas para no-contest.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments