Mesmo sem Ronda, público lota ginásio em Brasília para entrevista com Cigano

Ex-campeão dos pesados respondeu perguntas sobre sua carreira, planos para o futuro e falou sobre o adversário mais difícil que já enfrentou

Cigano responde fãs no Ginásio Nilson Nelson. Foto: Lucas Carrano/SUPER LUTAS

Cigano responde fãs no Ginásio Nilson Nelson. Foto: Lucas Carrano/SUPER LUTAS

No início da tarde desta sexta-feira (12), os fãs de MMA de Brasília (DF) foram surpreendidos pela notícia de que a campeã Ronda Rousey, que viria à cidade para participar de uma sessão de perguntas e respostas antes da pesagem do UFC Fight Night 51, teve sua participação no evento cancelada devido a problemas com o voo que a traria dos Estados Unidos. Porém, mesmo com a baixa, o público lotou o ginásio Nilson Nelson para entrevistar o ex-detentor do cinturão dos pesados Junior Cigano.

Em pouco mais de uma hora, Cigano respondeu perguntas sobre suas lutas contra Cain Velasquez, sua graduação como faixa preta de jiu-jitsu e falou sobre seus planos para o futuro. Entre todas as questões, porém, surpreendeu a revelação do catarinense de que considera o “Gordinho” Roy Nelson como o adversário mais duro de sua carreira, ao ser indagado sobre as lutas contra Stefan Struve e Shane Carwin.

“Entre Stefan Struve e Shane Carwin, eu diria que o mais difícil foi o Carwin. Mas eu diria que o mais difícil mesmo foi Roy Nelson. Na semana da luta, um repórter me perguntou se não ficaria ruim caso eu perdesse para o Nelson depois de vencer tantos outros grandes nomes. Já pensou perder pro Gordinho? Vai ficar feio! Isso ficou na minha cabeça. Pra você ter uma ideia eu fiquei com isso na cabeça até mesmo durante a luta”, revelou Cigano, que um pouco antes já havia distribuído autógrafos e tirado fotos com os fãs.

Confira abaixo a galeria de fotos da sessão de perguntas e respostas do UFC Brasília:

[album: https://www.superlutas.com.br/wp-content/plugins/dm-albums/dm-albums.php?currdir=/wp-content/uploads/dm-albums/QA do UFC Braslia/]

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments