Covington menospreza Edwards e se gaba por possível presença de Donald Trump na plateia do UFC 296

Lutador americano provoca rival inglês e conta com apoio do ex-presidente dos EUA no UFC 296

C. Covington em coletiva de imprensa no UFC. Foto: Reprodução/Instagram

C. Covington em coletiva de imprensa no UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Colby Covington não poupou provocações ao seu adversário Leon Edwards, com quem disputa o cinturão dos meio-médios (até 77kg.) no UFC 296, no dia 16 de dezembro. Em entrevista ao site Mirror Fighting, o norte-americano diz que o campeão é o “lado B” da luta e que não tem ninguém importante para apoiá-lo, ao contrário dele, que conta com a presença do ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, na primeira fila.

Covington é um apoiador declarado de Trump há mais de cinco anos e já recebeu elogios e ligações do político após suas vitórias no octógono. Além disso, Donald tem o hábito de comparecer aos eventos para apoiar o amigo de longa data e CEO do UFC, Dana White, que também é um aliado do ex-presidente.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Conor McGregor é um dos maiores nomes da história do MMA. Foto: Reprodução/Twitter/@thenotoriousmma
Colby Covington quer Conor McGregor presidente da Irlanda. Foto: Montagem/SUPER LUTAS

“Esse cara (Donald Trump) é tão grande que me destruiria se lutássemos. Tenho a pessoa mais importante e famosa do planeta Terra vindo às minhas lutas para me assistir na primeira fila. Quem Leon tem? Ele traz a família real, Paddington, o Urso, ou a p*** da Mary Poppins vindo? Leon não é ninguém, ele é o lado B e eu sou o lado A”, disse Covington, em tom de deboche.

Leon Edwards x Colby Covington

Edwards, que é inglês, não se intimidou com as palavras do rival e tenta defender pela segunda vez seu título. O inglês defende sequência invicta de 12 lutas, sendo a última delas uma vitória sobre Kamaru Usman, em março deste ano, que lhe rendeu a manutenção de título dos meio-médios.

PUBLICIDADE:

Covington, por sua vez, vem de um dominante triunfo sobre Jorge Masvidal, em sua última luta, e busca sua terceira tentativa de conquistar o cinturão linear da divisão.

O UFC 296 será o último evento do ano da organização e terá duas disputas de título. Além da luta entre Edwards e Covington, o brasileiro Alexandre Pantoja enfrenta Brandon Royval em sua primeira defesa do cinturão peso-mosca.

PUBLICIDADE:

Risco para Charles do Bronx no UFC?

Leia Mais sobre: , , , , ,


Resultados do Fight Music Show 4 Resultados do PFL x Bellator Resultados do UFC 298 Resultados do UFC Las Vegas 86 Resultados do UFC 297