Israel Adesanya levanta ‘bandeira branca’ e expressa admiração por Alex Poatan

Após anos de rivalidade, o nigeriano 'pediu paz' e fez questão de deixar claro que não possui mais qualquer animosidade com o campeão dos meio-pesados

Adesanya (esq.) e Poatan (dir.) conversam após UFC 287. Foto: Reprodução / Instagram

Quatro confrontos (MMA e kickboxing), uma rivalidade que tomou grandes proporções nos últimos anos, mas que, aparentemente, ficou dentro do octógono. Ex-campeão dos médios (até 83,9kg), Israel Adesanya levantou bandeira branca na animosidade com atual dono do cinturão dos meio-pesados (até 93kg) e fez questão de lembrar que não tem qualquer sentimento ruim pelo lutador brasileiro.

Veja Também

Junior Cigano GFC 7

“Eu já fui nocauteado brutalmente antes, um salve para Alex (Poatan). Sim, claro. Não sou um hater. Estamos todos juntos neste jogo, certo? Estamos todos tentando dar vidas melhores para nossas famílias, todas as gerações e tudo mais. Ele conseguiu isso”, disse Adesanya.

PUBLICIDADE:

No UFC, Adesanya e Poatan já se enfrentaram duas vezes. No primeiro combate, em novembro de 2022, o brasileiro conseguiu um nocaute espetacular no quinto round e se sagrou campeão dos médios. Na aguardada revanche, em abril do ano seguinte, Adesanya devolveu o nocaute e retomou o cinturão.

Com a rivalidade aparentemente encerrada, ambos os lutadores seguem suas carreiras, agora em divisões diferentes. Poatan será o protagonista do histórico card do UFC 300, que irá acontecer no dia 13 de abril, em Las Vegas (EUA). Por outro lado, Adesanya ainda possui o seu futuro indefinido, mas já deixou claro que deseja um confronto contra o atual campeão dos médios, Dricus Du Plessis.

PUBLICIDADE:

FOGO NO PARQUINHO! Lenda do UFC critica Poatan e questiona status de campeão: ‘Difícil apoiar’

Leia Mais sobre: , ,


Resultados do UFC 300 Resultados do UFC Las Vegas 90 Resultados do UFC Atlantic City Resultados do UFC Las Vegas 89 Resultados do UFC Las Vegas 88