Novo campeão interino, Werdum terá que superar tabu histórico nos pesos pesados

Brasileiro busca se tornar o primeiro detentor de um título provisório a derrota um campeão linear nos pesos pesados

F. Werdum conquisto cinturão no UFC 180. Foto: Reprodução

F. Werdum conquisto cinturão no UFC 180. Foto: Reprodução

No último sábado (15), ao bater Mark Hunt e faturar o quinto cinturão interino da história dos pesos pesados, Fabrício Werdum se aproximou do título linear da categoria, mas ao mesmo tempo arrumou um grande tabu para ser quebrado na unificação dos cinturões contra Cain Velasquez, programada para 2015. Isso porque, nunca na história da divisão até 120 kg, um campeão interino venceu um campeão linear no octógono e somente um dos cinco conseguiu o título definitivo posteriormente.

O feito foi justamente do primeiro detentor de um cinturão interino dos pesados, Andrei Arlovski. Em 2005, durante a ausência do campeão Frank Mir, Arlovski superou Tim Sylvia e faturou o título provisório. Meses depois, o bielorrusso foi promovido à condição de campeão definitivo mesmo sem enfrentar Mir, depois que o norte-americano sofreu um acidente de moto e ampliou seu período de inatividade.

O próximo campeão interino do UFC foi o brasileiro Rodrigo Minotauro, que também venceu Tim Sylvia para ficar com o título. Minotauro, no entanto, perdeu o título provisório para Frank Mir antes mesmo que pudesse tentar unificá-lo contra Randy Couture ou, posteriormente, Brock Lesnar. No histórico UFC 100, em 2009, Mir acabou nocauteado por Lesnar na luta principal da noite.

O último detentor de um cinturão provisório dos pesados antes de Fabrício Werdum foi conhecido em 2010, quando o até então invicto Shane Carwin derrotou Frank Mir e ganhou o direito de desafiar Brock Lesnar. Mais uma vez, Lesnar frustrou os planos de um campeão interino e derrotou Carwin por finalização no UFC 116.

Por outro lado, se foge das coincidências nos duelos válidos pela unificação do cinturão dos pesados, Fabrício Werdum tem a seu favor uma eventual repetição do cenário envolvendo Andrei Arlovski e Frank Mir em 2005. Isso porque o campeão Cain Velasquez já foi avisado pelo presidente Dana White que perderá seu título caso sofra uma nova lesão grave que o impossibilite de enfrentar Werdum no próximo ano, provavelmente no México.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments