Após ‘vingança’ contra Napão, Cro Cop estreia no ranking do UFC aos 40 anos

Veterano apareceu na 15ª posição entre os pesos pesados na nova atualização da listagem; derrotado, brasileiro deixou a elite da categoria

M. Filipovic (foto) voltou ao UFC com vitória. Foto: Jeff Bottari/UFC

M. Filipovic (foto) voltou ao UFC com vitória. Foto: Jeff Bottari/UFC

A vitória sobre Gabriel Napão no último sábado (11) rendeu mais do que só a vingança do nocaute sofrido oito anos antes para Mirko Cro Cop. Aos 40 anos, o lendário croata estreou no ranking oficial do Ultimate graças ao triunfo na luta principal do UFC Polônia.

Veja Também

Anderson Silva pede para disputar Olimpíadas de 2016 no taekwondo
Vídeo: lutador do UFC protesta contra Dilma Rousseff na Polônia
Minotauro e eu éramos os únicos atletas limpos no PRIDE, diz Dan Henderson

Agora, Cro Cop aparece na 15ª posição na categoria de pesos pesados, colocação antes ocupada por Stefan Struve – que subiu para 14º. Quem pagou o pato pela chegada do croata à listagem foi justamente Gabriel Napão. Derrotado pela terceira vez consecutiva, o brasileiro deixou o ranking da divisão até 120 kg.

Outro destaque da mais recente atualização do ranking oficial ficou por conta da ucraniana Maryna Moroz. A estreante bateu a favorita Joanne Calderwood na luta que abriu o card principal da noite e chegou pedindo passagem no top-15 da categoria peso palha. Após o triunfo, Moroz já é a nona colocada na divisão.

Mesmo sem atuar, um brasileiro também mudou de posição na nova configuração do ranking peso por peso, no qual os votos dos jornalistas não levam em conta as categorias de peso. Trata-se do campeão peso leve Rafael dos Anjos. Ele subiu uma colocação, chegando ao oitavo lugar, e deixando para trás o detentor do cinturão dos meio-médios Robbie Lawler.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments