Ex-UFC ‘volta da aposentadoria’ para realizar sonho de jovem com Síndrome de Down

Veterano do TUF 1, Nate Quarry fez luta de exibição contra Jake Beckmann no evento "Rumble at the Roseland"

Pôster promocional da "luta" entre Beckmann e Quarry. Foto: Reprodução

Pôster promocional da “luta” entre Beckmann e Quarry. Foto: Reprodução

Como diversos jovens de 19 anos, Jake Beckmann é apaixonado por artes marciais, dedica parte dos seus dias aos treinos de MMA e sonha em ser um lutador profissional. Porém, Jake é portador da Síndrome de Down e por isso não seria seguro que atuasse, e ele não receberia sua licença para lutar das Comissões Atléticas que regulamentam o esporte.

Veja Também

Anderson Silva emociona lutadores ao deixar o TUF e time Shogun vence a primeira
Após vitória no UFC, musa Paige VanZant apoiará campanha de combate ao câncer
Weidman enaltece Rockhold, mas alerta: ‘Eu não sou Lyoto, ele estaria em apuros contra mim’
Vídeo: Assista à derrota de Lyoto Machida para Luke Rockhold no UFC on FOX 15
Lyoto recebe suspensão por tempo indeterminado por suspeita de lesão na cabeça

“Como ele treina comigo, ele me perguntava o tempo todo: ‘Ei, quando eu vou poder competir?’ ou “Quando eu posso lutar? E assim, ao longo dos anos, eu dizia pra ele: ‘Mantenha os treinamentos, nós vamos chegar lá’. E ao longo dos anos ele tem trabalhado duro. Ele é, provavelmente, um dos alunos que trabalham mais duro que eu já tive”, contou o técnico de Beckmann, Greg Walker, à “KPTV”, afiliada do canal norte-americano “FOX” em Oregon (EUA).

Decidido a realizar o sonho de Beckmann, mas ciente da impossibilidade de fazê-lo inscrevendo o pupilo em um combate convencional, Walker teve uma ideia: publicou uma mensagem no Facebook perguntando se alguém da comunidade de MMA de Oregon poderia ajudá-lo, aceitando uma luta de exibição contra Jake, que é conhecido pelo apelido de “The Snake” (“A Cobra”, em tradução livre).

O chamado do técnico foi atendido por ninguém menos do que o ex-lutador do UFC e veterano da primeira temporada do reality show The Ultimate Fighter Nate Quarry, hoje com 43 anos. Aposentado desde 2010, Quarry, que já disputou o cinturão dos médios em 2005, “voltou aos ringues” para encarar Jake Beckmann em uma luta ao estilo “telecatch” no último sábado (18), no evento “Rumble at the Roseland”.

Fã confesso do brasileiro Rousimar Toquinho, atual campeão do evento World Series of Fighting e especialista em jiu-jitsu, Beckmann pôs fim ao combate no segundo assalto com uma chave de perna, ao melhor estilo do brasileiro. Ao término do duelo, o jovem foi proclamado “Campeão Mundial dos Pesos Pesados” e recebeu uma réplica do cinturão do UFC, comprada graças a doações feitas por meio de um site de financiamento coletivo. Além disso, a luta especial arrecadou mil dólares para a organização ” Create the Connection”, especializada em viabilizar a criação de empregos para pessoas com necessidades especiais.

“Ao longo da minha vida, várias e várias vezes, eu tive a oportunidade de viver meus sonhos. Se eu puder fazer o menor esforço para ajudar um jovem rapaz, não só a viver seus sonhos, mas também mostrar a sua mãe como poderia ser vê-lo seguir seus sonhos. Se eu puder ajudar a comunidade e deixar todos saberem que as pessoas com necessidades especiais são só um pouco diferentes… Eles são só isso: um pouco diferentes. Eles têm sonhos. Eles têm metas, como todos nós. Por que nós não devemos tentar dizê-los como eles devem viver suas vidas? Se nós pudermos deixá-los seguirem seus sonhos, isso é a coisa certa a fazer”, disse Quarry, logo após o combate.

Após a vitória sobre Nate Quarry em sua primeira luta no MMA, Jake Beckmann já tem seu próximo objetivo em mente. “Uma namorada. Um dia… Eu sonho em ter uma namorada”, revelou.

Assista abaixo ao vídeo da luta:

KPTV – FOX 12

Marcadores: MMA

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments