Belfort confia que fará ‘a melhor luta da história dos médios’ diante de Weidman

Belfort confia que fará ‘a melhor luta da história dos médios’ diante de Weidman

Belfort (foto) enfrentará Weidman em maio. Foto: Reprodução

Belfort (foto) enfrentará Weidman em Las Vegas. Foto: Reprodução

Após mais de um ano na expectativa de disputar o cinturão dos médios do UFC, Vitor Belfort finalmente está perto de enfrentar o campeão Chris Weidman. A tão aguardada luta pelo título será realizada no dia 23 de maio, no UFC 187, e Belfort está focado em não somente conquistar o cinturão, mas também em fazer história na divisão até 84 kg.

Veja Também

Luke Rockhold detona Vitor Belfort: ‘É uma piada e nunca lutou limpo na vida’
Jacaré revela torcida por título de Belfort para enfrentá-lo em seguida no Brasil
Antes de enfrentar Weidman, Belfort já sonha com defesa de cinturão no ‘Maraca lotado’

A luta originalmente estava marcada para maio de 2014, mas Belfort não pôde lutar devido ao banimento da terapia de reposição de testosterona (TRT). Em conferência de imprensa telefônica para promover o combate, o brasileiro foi perguntado sobre como ele acredita que teria sido a luta caso esta tivesse acontecido no ano passado. “O ‘se’ não faz parte do meu vocabulário. Eu me concentro nos fatos e sei que esta será a melhor luta da história da divisão dos médios. Vai ser muito empolgante”, comentou o “Fenômeno”.

Mesmo sem subir no octógono desde novembro de 2013, Belfort garantiu que não se deixou abalar pelo tempo de inatividade. “Eu apenas pensei em treinar e manter a minha mente focada. Me concentrei naquilo que eu podia fazer, e não no que eu não podia, então procurei melhorar”, observou. “Eu apenas quero aproveitar o momento, viver o momento, e curtir o que faço. É assim que luto e assim que consigo evoluir em muitos anos no esporte. Tudo é questão de momento, então é preciso aproveitar o momento e curtir”, concluiu.

A luta entre Chris Weidman e Vitor Belfort será a atração co-principal do UFC 187, em Las Vegas (EUA). Na maior atração da noite, Anthony Johnson e Daniel Cormier lutam pelo cinturão dos meio-pesados, que atualmente está vago.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments