Ex-Power Ranger desafia astro do WWE para luta no UFC: ‘É hora de morfar’

Ator Jason David Frank mostrou irritação com postura de CM Punk e disse que lutaria no octógono até de graça

J. Frank, o Power Ranger verde, se oferece para lutar contra CM Punk

J. Frank, o Power Ranger verde, se oferece para lutar contra CM Punk

Veja Também

Ronda Rousey revela que fez ensaio nua para revista por temer vazamento de fotos íntimas
Comissão de Nevada adia mais uma vez julgamento de Anderson Silva por caso de doping
Namorado de Miesha Tate diz que lutadora é uma ‘louca’ na cama

O ator Jason David Frank continua firme e forte em sua tentativa de ser o primeiro oponente do astro do WWE CM Punk no UFC. Frank, que ganhou fama nos anos 1990 como intérprete do Power Ranger verde (e depois o branco) na série infanto-juvenil, voltou a desafiar o novo contratado da maior organização de MMA do planeta, e garantiu que não irá dar sossego ao rival enquanto não tiver resposta.

Frank, que já fez quatro lutas de MMA no passado (três amadoras e uma profissional), vem desafiando CM Punk desde o fim de 2014, quando foi anunciada sua contratação pelo UFC. Irritado com a falta de respostas do rival (que inclusive chegou a dizer que não o conhecia), o ex-Power Ranger voltou a tentar cavar uma luta com base em um vídeo publicado nas redes sociais.

“Antes de tudo, eu fiz vários shows com você, cara. Você que começou com isso. Foi você que fez piada com os Power Rangers, dizendo que iria lutar e depois perguntando de que cor eu era. Você mentiu sobre seu jiu-jitsu e depois deu entrevista rindo, dizendo que não sabia quem eu era. É isso que me irrita. Esse é o mundo das lutas, cara. Você entrou no UFC, o topo de um dos esportes mais perigosos da história”, lembrou Frank, que continuou:

“E você diz que todos estão te desafiando… Cara, eu venho te desafiando antes mesmo de você pensar em MMA. Eu venho te desafiando há um ano e meio e você não respondeu. Eu não quero usar essa oportunidade para ganhar holofotes em cima de você. Eu não preciso disso. Eu quero é que você lute. E Dana White, eu luto de graça. Não se trata do dinheiro de CM Punk. Cara, eu tenho mais experiência que você. Não tem por que você dizer não. Vou continuar te desafiando até você falar comigo. É hora de morfar, cara”, concluiu o norte-americano.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments