Wand comemora vitória contra Comissão nos tribunais: ‘Dia histórico para o esporte’

Brasileiro divulgou vídeo em seu canal oficial no YouTube comentando decisão da justiça dos EUA, que revogou seu banimento vitalício do MMA em Nevada

Wand (foto) teve pena aplicada pela NSAC revogada. Foto: Reprodução

Wand (foto) teve pena aplicada pela NSAC revogada. Foto: Reprodução

Nesta segunda-feira (18), foi anunciado que Wanderlei Silva teve seu banimento definitivo do MMA pela Comissão Atlética de Nevada (NSAC) revogado pela justiça comum dos Estados Unidos e que uma nova audiência, ainda sem data marcada, vai definir o futuro do lutador brasileiro. Após a vitória nos tribunais, Wand veio a público comentar o ocorrido e não economizou ao valorizar o feito, garantindo que foi um acontecimento “histórico” para o MMA.

Veja Também

Justiça de Nevada revoga banimento vitalício a Wand e convoca nova audiência
Na chegada a Las Vegas, Weidman revela que ainda precisa perder 9 kg
Anderson Silva aconselha Jon Jones: ‘Você precisa mudar tudo na sua vida’

“Hoje está sendo um dia histórico para o nosso esporte, histórico para um atleta de MMA, porque conseguimos reverter uma sentença que foi muito mal aplicada por essa comissão e espero que esse tipo de erro não se repita com outros atletas. Que o atleta não precise ir para a justiça comum para poder ganhar o direito de trabalhar. Isso não pode acontecer. Vocês não podem, estão indo acima da lei! Nós queremos saber qual é a lei que regula”, afirmou o Cachorro Louco, em vídeo divulgado no seu canal oficial no YouTube.

Wand também comentou que a decisão da justiça norte-americana foi uma vitória para todos os lutadores profissionais e não desperdiçou a chance de alfinetar a NSAC. “Quando você se levanta em prol de uma classe, você está querendo que essa classe seja melhor tratada, que ela tenha os seus direitos e que não tenha somente os seus deveres. Quando um órgão regula uma determinada classe, esse órgão tem que ter leis e tem que seguir leis”, disparou.

Aos 38 anos, Wanderlei Silva possui um cartel de 35 vitórias, onze derrotas, um empate e uma luta sem resultado. Ex-campeão do extinto PRIDE, Wand não luta desde 2013, quando nocauteou Brian Stann na luta principal do UFC Japão. No Ultimate desde 2007, Wanderlei não chegou a fazer sua despedida oficial do octógono, pois o duelo contra o treinador rival no TUF Brasil 3 Chael Sonnen jamais saiu do papel. Em meio à polêmica com a Comissão Atlética, o brasileiro decidiu se aposentar no ano passado.

Assista abaixo ao vídeo divulgado por Wanderlei Silva:

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments