Além de títulos, Weidman e Cormier faturam bônus de R$ 154 mil no UFC 187

Além dos campeões, duelo entre os pesados Arlovski e Browne também foi premiado

Cormier (dir.) bateu Johnson (esq.) e ainda faturou bônus; Weidman também ficou com prêmio. Foto: Reprodução

Cormier (dir.) bateu Johnson (esq.) e ainda faturou bônus; Weidman também ficou com prêmio. Foto: Reprodução

Chris Weidman e Daniel Cormier foram, com larga vantagem, os maiores vencedores do UFC 187, realizado neste sábado (23) em Las Vegas (EUA). Além de ficarem com os cinturões em jogo nas lutas principais da noite, os dois também faturaram os bônus de “Performance da noite”, no valor de US$ 50 mil (R$ 154 mil) cada, por suas apresentações no octógono.

Veja Também

Vídeo: Assista aos melhores momentos de Chris Weidman x Vitor Belfort no UFC 187
Belfort quase consegue nocaute, mas Weidman vira e defende o cinturão no UFC 187
Belfort chora após derrota para Weidman: ‘Cheguei a sentir o gostinho da vitória’

Weidman bateu Vitor Belfort por nocaute técnico ainda no primeiro assalto da luta co-principal da noite e defendeu pela segunda vez o título dos médios do Ultimate. De quebra, o norte-americano também manteve sua invencibilidade como profissional. Já Cormier, superou Anthony Johnson por finalização no terceiro assalto do evento principal e ficou com o título vago dos meio-pesados.

Além dos bônus a Cormier e Weidman, a organização do Ultimate também premiou o duelo entre os pesos pesados Andrei Arlovski e Travis Browne como a “Luta da noite”. Por isso, cada um dos ex-companheiros de treinos levou pra casa também US$ 50 mil (R$ 154 mil).

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments