Após longa espera, Velasquez e Werdum decidem futuro dos pesos pesados no UFC 188

Combate entre campeão linear e campeão interino era aguardado pelos fãs há quase dois anos, e finalmente acontecerá no México

Werdum (esq.) x Velasquez (dir.): a luta finalmente a. Foto: Jeff Bottari/UFC

Werdum (esq.) x Velasquez (dir.): a luta finalmente vai acontecer. Foto: Jeff Bottari/UFC

A espera foi longa, mas o dia finalmente chegou. Cain Velasquez e Fabrício Werdum finalmente resolverão, dentro do octógono, quem será o campeão definitivo dos pesos pesados do UFC. O combate acontece na noite deste sábado (13), na Cidade do México, na atração principal do UFC 188.

AO VIVO: Acompanhe o UFC 188 em tempo real

Pode-se dizer que a expectativa para a luta durou dois anos. Desde que derrotou Rodrigo Minotauro, na final do TUF Brasil 2, em junho de 2013, Werdum já estava credenciado para disputar o cinturão, contra o vencedor da luta entre Velasquez e Júnior Cigano, que se enfrentaram em outubro do mesmo ano.

Velasquez venceu Cigano pela segunda, mas suas lesões começaram a atrapalhar os planos do UFC. Assim, Werdum foi escalado para enfrentar Travis Browne, em abril do ano passado, em luta cujo vencedor teria a chance de disputar o cinturão.

Veja Também

Vídeo: Depois de adiamentos, Velasquez e Werdum unificam cinturão dos pesados no UFC 188
Vídeo: Antes do UFC 188, confira 5 curiosidades sobre o evento no México
Contra Velasquez, Werdum lutará para derrubar tabu histórico de campeões interinos

O brasileiro dominou o combate e, além da luta pelo título, também foi selecionado para treinar a temporada de lançamento do TUF América Latina, ao lado do próprio Velasquez. A luta entre os dois estava agendada para novembro de 2014, mas novamente uma contusão alterou tudo.

A somente três semanas para o evento, que também marcaria a estreia do octógono em solo mexicano, Velasquez se lesionou e foi substituído por Mark Hunt, em combate que colocaria em jogo o cinturão interino. Werdum venceu com um belo nocaute, e se colocou novamente em rota de colisão com Velasquez.

O tira-teima foi novamente agendado para acontecer no México. E, com o campeão afastado de atividade por mais de um ano e meio, os fãs de MMA estão cada vez mais intrigados para descobrir o desfecho da luta.

Velasquez possui condicionamento físico e ritmo incomuns para pesos pesados, capaz de manter a mesma intensidade por 25 minutos de combate. O tempo parado, no entanto, não joga a seu favor – como aconteceu em sua única derrota na carreira, para Cigano, quando sentiu a falta de ritmo ao ficar um ano e um mês parado.

Porém, o campeão linear é membro da American Kickboxing Academy, conhecida por seus treinos espartanos e com material humano farto, como Daniel Cormier, campeão dos meio-pesados, e Luke Rockhold, desafiante pelo cinturão dos médios.

Werdum, em contrapartida, chega ao combate em estado de graça. O gaúcho, que vem confirmando luta após luta a versatilidade de seu jogo, com um muay thai cada vez mais afiado, garante que possui todas as armas para surpreender Velasquez, seja em pé, seja no chão, onde é especialista.

UFC 188 colocará ponto final em longa rivalidade

Melendez (esq.) e Alvarez (dir.) já ostentaram cinturões dos leves fora do Ultimate. Foto: Divulgação

Melendez (esq.) e Alvarez (dir.) já ostentaram cinturões dos leves fora do Ultimate. Foto: Divulgação

Se a luta entre Velasquez e Werdum demorou dois anos para acontecer, o segundo combate mais importante do UFC 188 levou ainda mais tempo. Gilbert Melendez e Eddie Alvarez finalmente resolverão suas diferenças depois de cinco anos trocando farpas e provocações pela imprensa.

A rivalidade entre os dois surgiu antes mesmo de assinarem com o UFC. Melendez era destaque do Strikeforce, enquanto que Alvarez brilhava no Bellator. Assim, tanto os fãs como os próprios lutadores tinham a curiosidade de ver qual deles era o melhor peso leve fora do Ultimate.

Ironicamente, o combate somente será realizado depois de ambos assinarem com a maior organização de MMA do planeta. Melendez sofreu duas derrotas em três lutas no octógono, incluindo uma finalização contra Anthony Pettis em combate válido pelo cinturão; Alvarez também perdeu em sua estreia no UFC, para Donald Cerrone.

Além do choque de pesos leves, também chama a atenção no evento a situação de Kelvin Gastelum, campeão do TUF 17. Depois de perder sua invencibilidade no MMA, contra Tyron Woodley, no começo do ano, o lutador voltará à divisão dos médios diante do veterano Nate Marquardt.

Confira abaixo a ficha técnica do UFC 188:

DATA E HORÁRIO: 13/06/2015, a partir das 20 horas (horário de Brasília)
LOCAL: Arena Ciudad de México, Cidade do México, México
TRANSMISSÃO: Canal Combate

CARD PRINCIPAL

Pesados: Cain Velasquez x Fabrício Werdum;
Leves: Gilbert Melendez x Eddie Alvarez;
Médios: Kevin Gastelum x Nate Marquardt;
Penas: Yair Rodriguez x Charles Rosa;
Palhas: Tecia Torres x Angela Hill;

CARD PRELIMINAR

Moscas: Chico Camus x Henry Cejudo;
Leves: Efrain Escudero x Drew Dober;
Galos: Alejandro Pérez x Patrick Williams;
Leves: Francisco Trevino x Johnny Case;
Meio-médios: Augusto Montaño x Cathal Pendred;
Penas: Gabriel Benitez x Clay Collard

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments