Royce Gracie demonstra interesse em nova luta contra Ken Shamrock, agora no Bellator

Embaixador da organização rival do Ultimate esteve presente na luta do rival, que já enfrentou duas vezes no octógono, contra Kimbo Slice

Royce e Shamrock em sua primeira luta, no UFC 1. Foto: Susumo Nagao/Reprodução

Royce e Shamrock em sua primeira luta, no UFC 1. Foto: Susumo Nagao

Lenda do UFC, campeão de três das primeiras quatro edições do maior evento de MMA do planeta e primeiro membro do Hall da Fama da organização, o brasileiro Royce Gracie pode voltar ao cage em uma organização rival e, ainda por cima, reeditando em um confronto histórico do octógono, contra Ken Shamrock.

Veja Também

Vídeo: Patrício Pitbull x Daniel Weichel no Bellator 138
Açougueiro e Reginaldo Vieira garantem últimas vagas nas finais do TUF Brasil 4
Joanna Jedrzejczyk massacra Jessica Penne e defende cinturão dos palhas no UFC Berlim
Após vitória avassaladora, Ronda Rousey se rende a Joanna Jedrzejczyk: ‘Quem é a próxima?’

Agora embaixador oficial do Bellator, Royce esteve presente na 138ª edição do grande rival do Ultimate na atualidade, encabeçada pelo duelo entre Ken Shamrock e Kimbo Slice, e se mostrou aberto à possibilidade de reeditar a semifinal do torneio do UFC 1 contra o “Homem mais malvado do planeta”.

“É claro (que eu lutaria com Shamrock)! Meu corpo está bom, não estou lesionado, estou saudável, no mesmo peso de 20 anos atrás, então, sim. Isso é bom. Quando você está no topo, cara, todos querem te enfrentar!”, comentou Gracie, em entrevista ao site “MMA Junkie”.

Aos 48 anos, Royce Gracie tem um cartel profissional de 14 vitórias, duas derrotas e três empates. O brasileiro não luta desde junho de 2007, quando venceu o japonês Kazushi Sakuraba. Na ocasião, Royce foi flagrado no exame antidoping após o evento, mas o resultado do combate não foi alterado.

Já Ken Shamrock, de 51 anos, possui um retrospecto de 28 vitórias, 16 derrotas e dois empates. Derrotado por Kimbo Slice na última sexta-feira (19), Shamrock completou oito revezes em suas últimas dez lutas. O ex-campeão Superfight do UFC e do evento japonês Pancrase enfrentou Royce Gracie duas vezes, sendo derrotado na primeira e empatando na segunda após 36 minutos, até hoje a luta mais longa da história do Ultimate.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments